Herrera San Lorenzo

O lateral-direito Andrés Herrera, de 21 anos, foi frequente na base da seleção argentina (Divulgação/San Lorenzo)

LANCE!
11/07/2020
17:24
São Paulo (SP)

O Palmeiras está próximo de contratar um lateral-direito argentino, mas com o Flamengo também de olho. A informação parte exatamente de quem diz ser o alvo da negociação: Andrés Herrera, de 21 anos, do San Lorenzo. O jogador conta que o Spartak Moscou, da Rússia, é outro clube que o procurou e crê que sua saída pode ser concluída por 4 milhões de dólares (R$ 21,4 milhões).

- Pelo que o meu representante me disse, sei que o Palmeiras é quem está mais próximo. Creio que, por 4 milhões ou 5 milhões de dólares (R$ 26,7 milhões), o San Lorenzo me deixaria ir - afirmou Andrés Herrera á rádio Sudamericana, da Argentina.

- Sei que ligaram do Spartak Moscou para o meu representante e, há alguns dias, ele me escreveu dizendo que havia interesse de Palmeiras e Flamengo. Mas tenho que ficar calmo. Se eu sair, tudo bem. Caso contrário, vou continuar trabalhando - continuou.

A multa rescisória do lateral-direito é de 20 milhões de dólares (R$ 106,8 milhões), mas o próprio jogador acredita que não será necessário chegar a esse valor para contratá-lo. Em março, Andrés Herrera renovou seu contrato com o San Lorenzo até 2023. O jogador atuou com frequência nas categorias de base da seleção argentina e sonha estar na Olímpiada de Tóquio, adiada para o ano que vem. Acumula 29 partidas pelo clube que defende atualmente.

O Palmeiras admite que monitora o lateral-direito, mas não confirma negociações. A diretoria tem adotado uma postura de conter gastos em meio à crise econômica gerada pela pandemia do coronavírus, tanto que o elenco principal masculino está no terceiro mês seguido de salário reduzido. O presidente Maurício Galiotte já chegou a declarar que não dá para pensar em contratações no momento, ainda mais pelos valores divulgados por Herrera.

O técnico Vanderlei Luxemburgo, contudo, já tinha solicitado a contratação de um lateral-direito com velocidade e intensidade para atacar e defender, como encontrou o lateral-esquerdo uruguaio Matías Viña. A diretoria tentou trazer Daniel Muños, colombiano do Atlético Nacional, mas não houve acerto e o jogador foi para a Bélgica. No elenco do Palmeiras, Marcos Rocha vem sendo o titular na lateral direita, com Mayke como primeiro reserva.