Flamengo x Palmeiras - Dudu

Em entrevista, camisa 7 alviverde reconheceu momento do rival (Foto: Andre Melo Andrade/Eleven)

LANCE!
07/06/2020
13:35
São Paulo (SP)

O atacante Dudu não ficou em cima do muro e elogiou Flamengo, Jorge Jesus e seu elenco na noite do último sábado. Em entrevista à ESPN, o craque do Palmeiras disse que o Rubro-Negro é o time a ser batido em 2020, assim como foi no ano passado, dando como exemplo o próprio alviverde em 2018, que conquistou o Campeonato Brasileiro na ocasião.

- Hoje são os dois times que a gente vê que vão brigar. Esse ano, vão vir outros times bem forte, o Atlético-MG, o Grêmio, o Inter, mas são os dois times que estão brigando nesses últimos anos para cá para vencer as competições. A gente sabe a rivalidade que tem aqui, igual teve em 2015 contra o Santos. Nem se compara com a rivalidade contra o Corinthians, contra o São Paulo, mas o Flamengo é o time que todo mundo vai querer vencer, porque ano passado, não tem dúvida de que, da Copa América para a frente, foi o melhor time. Não só do Brasil, eles ganharam a Libertadores. É o time que todos vão querer vencer, e a gente não é diferente – iniciou.

No entanto, apesar de reconhecer o bom trabalho e o momento pelo qual passa o rival carioca, Dudu também aproveitou para dizer que é necessário dar atenção igual aos outros clubes, senão de nada adianta.

- Igual em 2018, o Palmeiras era o time que todo mundo queria vencer. Todo mundo dava algo a mais quando ia jogar contra a gente. Todo ano tem esse time. O Flamengo vinha bem, estava bem antes de parar (por conta do coronavírus), é um time que a gente vai entrar para bater, mas a gente sabe que tem outros 19 times no Brasileiro que a gente não pode deixar de lembrar. O Campeonato Brasileiro é muito difícil e se a gente não jogar 100% lá em Goiânia contra o Atlético-GO, a gente não vai ganhar. Temos que estar focados não só no Flamengo, mas em todos os times, nos times da Libertadores também – completou.

Por fim, o camisa 7 elogiou Jorge Jesus, que recentemente renovou o seu contrato com o Rubro-Negro. Para Dudu, o que fez a grande diferença na equipe foi o treinador.

- Pra mim, o que mudou pra eles foi o treinador. Ele chegou, fez um trabalho diferente, que ninguém vinha fazendo. Mudou o time do Flamengo. A gente também tem um grande treinador, vencedor, que treinou a seleção brasileira, e grandes jogadores, com capacidade de ir para a Seleção. Basta a gente estar numa semana boa de trabalho para fazer frente ao Flamengo e a qualquer outro time – finalizou.