Dudu Palmeiras

Dudu estará garantido no próximo Mundial se Al Duhail for campeão nacional no Qatar (Foto: William Correia)

William Correia
21/07/2020
08:00
São Paulo (SP)

Ao acertar com o Al Duhail, Dudu ficou bem próximo do Mundial de Clubes. O clube tem quatro pontos de vantagem, a cinco rodadas do fim, da liga nacional do Qatar, que terá seu campeão no torneio da Fifa por ser sede. O Palmeiras, contudo, também pode participar da competição, caso ganhe a Libertadores. E o atacante falou ao LANCE! como seria enfrentar o time em que é ídolo e pelo qual ainda tem vínculo até o final de 2023 - saiu agora emprestado por um ano.

- Aí vai ser difícil, hein? Será dolorido. Mas, se chegar Al Duhail contra Palmeiras, será muito importante para os dois clubes. O Palmeiras, que há muito tempo não ganha a Libertadores, terá ganhado para chegar. Com certeza, terei contribuído um pouquinho se o Palmeiras ganhar a Libertadores, porque joguei. Foram poucos jogos, mas joguei. Vou cobrar deles uma medalha de campeão da Libertadores - disse, em entrevista exclusiva, o atacante, titular nos dois jogos do torneio sul-americano disputados antes da paralisação.

O Mundial de Clubes de 2020 foi adiado devido à pandemia do coronavírus, que estendeu o fim das edições de alguns torneios continentais para o ano que vem, e ainda não há data para a competição da Fifa ser realizada. A entidade, contudo, assegura que o torneio acontecerá, até por contratos comerciais já fechados. Estar nele faz parte dos planos do Al Duhail, como os próprios dirigentes relataram em conversa com Dudu.

- Foi o que o pessoal aqui do clube me falou: estão a quatro pontos, faltam cinco rodadas e, se eles ganharem, vamos disputar o Mundial. É legal, cara. Espero que possam confirmar esse título deles, porque, infelizmente, não poderei jogar estes cinco jogos. Como já estou aqui treinando, estarei torcendo por eles. E pelo Palmeiras também. Espero que o Palmeiras ganhe a Libertadores e possa jogar o Mundial também - comentou o atacante.


Dudu só poderá entrar em campo a partir do dia 3, quando abre a janela para contratações do exterior no país. O Al Duhail volta a campo no domingo, em sua primeira partida oficial desde a pausa da pandemia, enfrentando o Umm Salal, penúltimo colocado da liga nacional. Enquanto treina e se ajusta ao fuso horário local, Dudu continuará vendo o Palmeiras jogar.

- Espero que o Palmeiras tenha sucesso nesta temporada, conquiste os objetivos. Tenho um carinho pelo clube pelos jogadores, fiz grandes amizades no Palmeiras e saio com grandes amizades. Isso é muito importante para mim - ressaltou o atacante, que passou a segunda-feira se emocionando diversas vezes depois do anúncio oficial de sua transferência do Palmeiras.

Sem metas que obrigam a compra, Dudu foi emprestado por 7 milhões de euros (cerca de R$ 43 milhões). Está previsto o pagamento de 1 milhão de euros (R$ 6,1 milhões) como bônus por desempenho, e há valor fixado de mais 6 milhões de euros (R$ 36,7 milhões) para compra, caso o time do Qatar deseje. O Palmeiras acredita que o jogador convencerá o Al Duhail a desembolsar, no total, 13 milhões de euros (R$ 79,5 milhões), fora o bônus, para tê-lo em definitivo. Ainda assim, o Verdão manteria 20% dos seus direitos econômicos.