Endrick - Treino Palmeiras

Destaque da base do clube, Endrick foi elogiado pelo ídolo palmeirense Dudu (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

LANCE!
10/01/2022
23:38
São Paulo (SP)

O Palmeiras já está trabalhando há quase uma semana em sua pré-temporada e muitos assuntos rolaram desde então. Entre eles estão a mudança de numeração do elenco e o desempenho de Endrick na Copinha. Envolvido diretamente no primeiro tema, Dudu agradeceu a Rony por retomar a camisa 7 e rasgou elogios para o jovem promissor da base palmeirense.


TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Confira a pré-lista de inscritos do Palmeiras para o Mundial de Clubes

Nesta segunda-feira, em entrevista ao programa "Bem, Amigos", do SporTV, o meia-atacante alviverde fez questão de dizer que não há vaidade no elenco do Verdão e que isso permitiu com que ele voltasse a vestir a camisa 7 (vestiu a 43 em 2021), que estava com Rony, que ficou com a camisa 10.

- Tenho que agradecer o Rony, porque ele deixou eu usar a camisa 7, uma camisa que eu sempre me senti à vontade aqui no Palmeiras, desde quando eu cheguei. Tem a história do Alexandre Mattos, quando ele chegou para me contratar eu falei para ele "eu vou para o Palmeiras, mas eu quero a camisa 7", e ele já estava com a camisa 7 na sacola com meu nome.

- Então é uma camisa que eu me sinto à vontade, agradeço muito o Rony pela compreensão, de ele ter dado a camisa 7 para mim, um cara excelente, um cara de grupo, às vezes as pessoas acham que é vaidade, mas o nosso grupo não tem isso, aqui no Palmeiras não tem nada disso de vaidade.

Em meio a essa pré-temporada do Palmeiras, um dos grandes destaques é Endrick, que disputa a Copinha pelo time de base, mas tem treinado com o profissional. Dudu tem convivido com o garoto e disputou um jogo-treino na mesma equipe que ele. Somente por isso, ele já viu um potencial enorme no jovem, que chamou a atenção pela força física que tem aos 15 anos.

- A gente sabe a qualidade que ele tem, a força física para a pouca idade. Se você for ver ele quase dá dois de mim, mas também ser mais forte do que eu não precisa muita coisa (risos). A gente espera que ele possa evoluir, ele tem muito a evoluir, a crescer dentro do Palmeiras, está fazendo muito sucesso na base, a gente sabe que a base é totalmente diferente do profissional, é um jogo mais pegado, na às vezes o pessoal não tem a malandragem do profissional.

Mas a gente sabe que ele que tem muita qualidade, é um menino sensacional, conheci o pai dele, o Douglas, que trabalhou com a gente lá no Palmeiras, a gente espera que ele possa evoluir, possa crescer e tenho certeza que vai ser um dos grandes camisa 9 que o Brasil vai ter - finalizou o camisa 7.

Dudu e Endrick seguem com o Palmeiras em preparação para a temporada 2022 na Academia de Futebol. Será o sexto dia de treinos do Verdão nesta etapa do trabalho. A equipe fará mais três jogos-treino nos próximos dias.