Jet Set - Hipismo

Cavalo Jet Set foi sacrificado após se lesionar durante os Jogos Olímpicos (Foto: BEHROUZ MEHRI/AFP)

LANCE!
01/08/2021
08:47
Tóquio (JAP)

Uma situação triste ocorreu no Concurso Completo de Equitação do hipismo no último sábado nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Após sofrer uma lesão 'irreparável' na perna direita, o cavalo Jet Set, do suíço Robin Godel, teve de ser sacrificado. Em nota, a Federação Internacional de Hipismo explicou o acontecido com o animal.

+ Vem recorde? Veja os fortes candidatos a medalha para o Brasil na segunda metade dos Jogos Olímpicos

- É com grande tristeza que anunciamos que o cavalo suíço Jet Set, montado por Robin Godel, teve de ser sacrificado depois de ficar extremamente manco no Sea Forest Cross Country Course. Infelizmente, a ultrassonografia revelou uma ruptura irreparável no membro inferior direito, logo acima do casco. Por motivos humanos e com a concordância dos proprietários e do atleta, foi tomada a decisão de sacrificar o cavalo - trouxe a nota.

+ Bruno Fratus conquista medalha de bronze nos 50m livra em Tóquio

O cavalo de 14 anos sofreu a lesão ao passar por um obstáculo aquático da prova e foi avaliado por uma clínica veterinária local, que constatou a ruptura. Nas redes sociais, Robin Godel, proprietário do cavalo, lamentou a morte do animal:

+ Em grande jogo, Brasil vence a França no vôlei masculino nas Olimpíadas

- Em um galope a poucos saltos da chegada, a lesão nos obrigou a deixá-lo ir. Jet era um cavalo extraordinário e mais uma vez estava fazendo uma volta magnífica. Ele partiu para fazer o que mais gosta, galopar e voar sobre os obstáculos - escreveu o suíço.