Mayra Aguiar

Mayra Aguiar fez história ao conquistar a medalha de bronze em Tóquio (Foto: FRANCK FIFE / AFP)

LANCE!
29/07/2021
06:39
Tóquio (JAP)

O Brasil conquistou mais uma medalha nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Nesta quinta-feira, a judoca Mayra Aguiar venceu a sul-coreana Hyunji Yoon na disputa do terceiro lugar da categoria até 78kg e se tornou a primeira mulher do país a conquistar três medalhas olímpicas em esportes individuais. É a segunda medalha brasileira do judô na Olimpíada.

+ Veja as medalhas do Brasil até aqui nos Jogos Olímpicos de Tóquio

A gaúcha já tinha no currículo as conquistas dos bronzes na Rio-2016 e em Londres-2012. Nas modalidades coletivas, a ex-levantadora Fofão, do vôlei, também tem três medalhas (ouro em Pequim e bronzes em Atlanta-1996 e Sydney-2000).

+ Judô empata com vôlei! Veja as modalidades que mais deram medalhas ao Brasil

Na disputa que deu a medalha de bronze à brasileira, Mayra fez duelo muito estudado contra a sul-coreana. Em menos de um minuto, ambas já haviam levado shidos por falta de combatividade. Mas segundos depois, a judoca do Brasil levou Hyunji Yoon ao chão, a imobilizou com um kuzure-kami-shiho-gatame por 20 segundos e venceu a luta.

O bronze conquistado pela brasileira é o terceira da carreira da judoca, que se tornou a primeira brasileira a conquistar três medalhas em esportes individuais. A atleta já havia conquistado o terceiro lugar também nos Jogos de Londres em 2012 e Rio em 2016, também na categoria até 78kg.

+ Ana Sátila lamenta erro na canoagem slalom: 'Poderia ter ficado em 4º'

Mayra entrou no tatame do Buddokan nesta quinta para enfrentar a israelense Inbar Lanir na primeira luta. Logo com 40 segundos, aplicou um Ippon na adversária e passou às quartas. Na fase seguinte, acabou derrotada pela alemã Anna Maria Wagner, mas recebeu nova chance na repescagem contra Aleksandra Babintseva, do Comitê Olímpico Russo e não desperdiçou, conquistando a vitória e a vaga na disputa do bronze.