Robert Scheidt

Divulgação

LANCE!
07/07/2019
16:05
Sakaiminato (JAP)

Após fazer uma grande prova no último sábado, Robert Scheidt teve dificuldades no segundo dia de competição do Mundial da classe Laser. Disputado em Sakaiminato, no Japão, o brasileiro sofreu com o vento fraco e caiu do 5º para o 13º lugar na classificação geral.

Na primeira regata disputada nesse domingo, Scheidt terminou na 14ª posição, e na segunda, na 30ª posição. Apesar de perder oito posições no ranking geral, Scheidt ainda está dentro da zona de classificação para a Olimpíada de Tóquio: é preciso terminar até a 18ª posição.

- Foi um dia difícil, com vento fraco. Acabei tomando algumas decisões ruins no início da segunda prova, principalmente sobre onde largar. Fui para o lado direito da raia e o vento entrou mais pela esquerda. Com isso, montei a primeira bóia em 30° e não consegui recuperar. Eu poderia ter velejado melhor, mas cometi alguns erros - avaliou o velejador, que projeta o resto da competição:

- Agora é tentar esquecer e partir com tudo para segunda-feira. Ainda faltam quatro regatas e provavelmente o vento vai continuar fraco nos próximos dois dias. Vai ser complicado, mas, ao mesmo tempo, existem muitas oportunidades.