Norris diz que evolução da Mercedes na Espanha seria estressante: ‘oito carros na briga’

Inglês abordou evolução da Mercedes no GP do Canadá

063_2156816515-scaled-aspect-ratio-512-320
Norris ficou em segundo no Canadá (Foto: CLIVE ROSE / AFP)

Escrito por

O GP do Canadá do último fim de semana trouxe uma nova briga pela vitória entre Red Bull e McLaren, com Max Verstappen — o vencedor — e Lando Norris no comando, mas também apresentou um ingrediente inédito na luta pela primeira colocação: a Mercedes, que conquistou a pole com George Russell e chegou a liderar boa parte da prova. Ainda que o triunfo não tenha vindo, o terceiro lugar deixou um alerta para as outras equipes sobre o que o time alemão poderá fazer nas próximas rodadas.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Norris admitiu que a entrada de mais um time no pelotão da frente deixaria a vida da McLaren mais “estressante”, mas destacou que o crescimento da Mercedes tornaria a briga pela vitória “mais animada”, já que incluiria outros dois carros. Além disso, o britânico ressaltou que a disputa seria melhor também para o público.

➡️ Chefe da McLaren ressalta potencial da Mercedes: ‘Uma das equipes mais rápidas’

- Se eles também forem mais rápidos nas próximas corridas e se juntarem à luta de Ferrari, Red Bull e McLaren, isso só tornará nossa vida mais animada”, garantiu Norris. “Será mais complicado e mais estressante, porque provavelmente teríamos oito carros lutando lá na frente e todos nos desafiaríamos. Ficaria animado para nós e provavelmente para todos que estarão assistindo - afirmou.

Logo depois da corrida no Canadá, Russell abordou o desempenho da Mercedes e admitiu que espera ver um crescimento de ritmo na Red Bull já na próxima etapa, na Espanha. No entanto, o inglês admitiu que tem esperança de ser novamente competitivo depois de ver sinais promissores na fábrica com as últimas atualizações.

F1 Grand Prix of Canada
(Foto: Chris Graythen / AFP)

- Precisamos ver como a performance deles [Red Bull] será em Barcelona, mas esse crescimento de ritmo que vimos no nosso carro não foi uma surpresa. Todos os números na fábrica indicavam que teríamos uma grande subida de performance com as últimas atualizações. Barcelona será interessante para todos, mas acredito que podemos estar na briga - finalizou Norris.

A Fórmula 1 volta entre os dias 21 e 23 de junho, em Barcelona, com o GP da Espanha, décima etapa da temporada 2024.

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter