Maracanã na festa de encerramento. O adeus aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro

Maracanã na festa de encerramento nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (Foto YASUYOSHI CHIBA / AFP)

LANCE!
09/02/2019
16:54
Rio de Janeiro (RJ)

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos da Rio-2016 tem uma dívida de R$ 420 milhões, segundo o último levantamento. Além disso, não há prazo pagamento. A informação foi publicada primeiramente pelo "Globo Esporte".

Ao fim do evento, o comitê fechou o exercício com uma dívida de R$ 267,8 milhões, de acordo com um relatório de auditoria. O investimento foi superior a R$ 8 bilhões para realizar a primeira Olimpíada.

A situação fica ainda mais complicada. Antes da realização, houve uma alteração na lei em que o governo federal não estaria mais responsável pelo pagamento, e sim o governo do estado. Entretanto, a situação financeira é alarmante.

O Comitê Rio-2016 alegou que a Prefeitura não honrou o acordo. Este, que foi assinado em 2016, dizia que deveria repassar R$ 150 milhões a fim de realizar o evento. Contudo, a maior parte não foi dada. 

A fornecedora francesa GL Events, que providenciou estruturas temporárias para a realização do evento, também está cobrando o pagamento ao comitê. O valor é de aproximadamente R$ 50 milhões.