Guerrero

(Foto: Evandro Leal)

Futebol Latino
23/08/2018
15:41
Porto Alegre (RS)

A informação surgida na manhã desta quinta-feira (23) confirmou-se mais tarde. Em um curto comunicado enviado à agência de notícias espanhola EFE, a Fifa notificou a retomada da punição ao atacante Paolo Guerrero por doping. Assim, o jogador que pôde disputar a Copa do Mundo pelo Peru graças à interrupção da pena, volta a ficar proibido de jogar. Estava prevista para domingo a estreia dele pelo Inter, contra o Palmeiras, pelo Brasileirão.

Segundo o comunicado, "a Fifa toma nota da decisão do Tribunal Federal da Suíça de retirar a suspensão temporária que havia concedido em relação à punição imposta pela Corte Arbitral do Esporte (CAS) ao jogador Paolo Guerrero."

O Inter se posicionou oficialmente afirmando que ainda não havia sido informado em caráter oficial e declarou que os dos lados da situação estavam protegidos contratualmente e reiterou apoio jurídico ao centroavante peruano caso necessário.

Como Guerrero havia cumprido seis dos 14 meses impostos pelo Corte Arbitral do Esporte (CAS) em função do caso de doping, a previsão de retorno é em maio de 2019. Até lá, ele segue vinculado ao clube gaúcho, porém sem a equipe de Porto Alegre ter obrigação de arcar com os vencimentos.