São Luiz x Grêmio

LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

LANCE!
31/03/2019
21:03
Futebol Latino

Em Ijuí, o Grêmio mandou a campo um time completamente reserva e apenas empatou diante do São Luiz sem gols. O resultado deixou o duelo em aberto. A volta acontece no próximo domingo, na Arena, em Porto Alegre.

O duelo

Empolgado pelo apoio da torcida, o São Luiz começou o jogo no campo ofensivo. O lance mais perigoso veio aos 9 minutos com Leilson, que levou perigo ao goleiro Paulo Victor.

Susto tomado, o Grêmio começou a tomar conta do meio-campo e aos poucos rondava a área adversária. Na base do toque de bola, o atacante Pepê foi o primeiro a assustar.

Na chance mais clara, Juninho Capixaba encontrou Matheus Henrique e o volante carimbou o travessão do time de Ijuí.

No segundo tempo o ritmo do confronto caiu. O Grêmio tentava cozinhar o duelo e o São Luiz encontrava muita dificuldade para pressionar o adversário.

Nos 15 minutos finais, o time da casa saiu para buscar o gol da vitória e desperdiçou uma ótima oportunidade no contra-ataque. Por excesso de preciosismo, Maicon recebeu na grande área e ao invés de chutar tentou dar um passe para Leilson. Em ótima recuperação, Juninho Capixaba cortou.

Nos acréscimos, o Grêmio teve a bola do jogo com Pepê. O meia-atacante recebeu na grande área, driblou o marcador e soltou a bomba. No abafa, o goleiro evitou o GOL.

SÃO LUIZ 0 X 0 GRÊMIO
Local: 19 de Outubro, Ijuí (RS)
Data-Hora: 31/3/2019 – 19h00
Árbitro: Leandro Vuaden (RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Élio Nepomuceno de Andreade Júnior (RS)
Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos: Pablo (SLU), Kannemann (GRE)
Cartões vermelhos: –
Gols:

SÃO LUIZ: Paulo Henrique; Maicon, Pablo, João Marcus e Márcio Goiano; Rudiero, Clayton e Mikael; Leilson (Jheferson Falcao, aos 47/2ºT), Tauã (Vavá, aos 29/2ºT) e Thiago Alagoano (Anderson Paraíba, aos 42/2ºT). Técnico: Paulo Henrique Marques.
GRÊMIO: Paulo Victor; Rafael Gallardo, Michel, Kannemann e Juninho Capixaba; Romulo (Alisson, aos 18/2ºT), Matheus Henrique, Thaciano, Jean Pyerre (Lincoln, aos 37/2ºT) e Pepê; Vizeu (Thonny Anderson, aos 24/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho.