Prefeito de cidade japonesa morde medalha de atleta

Prefeito Takashi Kawamura mordendo a medalha da atleta japonesa Miu Goto (Foto: Reprodução TV)

LANCE!
16/08/2021
09:32
Rio de Janeiro (Rj)

Takashi Kawamura anunciou nesta segunda-feira (16) que irá abdicar de seu salário como prefeito de Nagowa durante três meses como penalidade por ter mordido a medalha da atleta japonesa Miu Goto. O gesto foi classificado como "desrespeito", e Takashi recebeu uma enxurrada de críticas, principalmente, pelas medidas sanitárias contra o avanço da Covid-19. A informação é do jornal "Nagoya News Center".
+ Confira a classificação do Brasileirão

Na última semana, o Comitê Olímpico Internacional informou que campeã olímpica do softbol receberá uma nova condecoração custeada pela entidade.

- Eu me sinto uma pessoa tão patética e profundamente envergonhado. Minha ação faltou integridade e peço desculpas por causar muitos problemas a todos - lamentou Kawamura.

Segundo a imprensa japonesa, cidadãos de Nagoya enviaram cerca de 7.000 reclamações referentes à mordida do prefeito. Atletas japoneses como o esgrimista Yuki Ota, prata em Tóquio, criticaram duramente o político.

Diante da repercussão, Takashi Kawamura não fará parte da cúpula presente no evento de passagem do revezamento da tocha paralímpica por Nagoya.