Argentina x Venezuela

Seleção Argentina pode perder quatro jogadores para o confronto contra o Brasil (Foto: Miguel Gutierrez / POOL / AFP)

LANCE!
04/09/2021
19:26
São Paulo (SP)

Segundo o 'Uol', a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) informou à Secretaria de Saúde de São Paulo que quatro jogadores da seleção argentina não passaram pelo período de quarentena obrigatória para entrar no Brasil. Neste sábado, funcionários do governo paulista visitaram o hotel em que a delegação está hospedada para avaliar a possível violação de protocolo contra Covid-19 do quarteto que atua na Inglaterra: Emiliano Martínez e Buendía (Aston Villa) e Cristian Romero e Lo Celso (Tottenham).
+ Veja a classificação das Eliminatórias Sul-Americanas!

Ao 'UOL', a Secretaria de Saúde de São Paulo informou que, caso não haja o aval de autoridades para a entrada dos jogadores no país, o veto a presença dos argentinos na partida contra o Brasil, amanha, às 16h, pode ser emitido.

- Com origem ou histórico de passagem pelo Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, pela República da África do Sul e pela República da Índia nos últimos quatorze dias, ao ingressar no território brasileiro, deverá permanecer em quarentena por quatorze dias - diz portaria número 655 de 23 de junho de 2021 da Presidência da República e Casa Civil, sobre viajantes.

Emiliano Martínez, Buendía, Cristian Romero e Lo Celso se enquadram no caso. Antes de desembarcarem no Brasil, o quarteto que veio da Inglaterra passou por Argentina e Venezuela devido a compromissos com a seleção. Apesar de não terem vindo diretamente, os jogadores estiveram há poucos dias no país britânico. Assim, a liberação só é emitida a partir do cumprimento da quarentena obrigatória ou por meio de um pedido especial. A Federação Argentina de Futebol (AFA) ainda não se pronunciou sobre o caso.