Cleber Machado, Galvão e Luis Roberto

Cléber Machado (à esq.), Galvão Bueno (ao centro) e Luis Roberto (à dir.) são narradores do Grupo Globo (Foto: Divulgação/Globo)

LANCE!
14/12/2020
11:07
Rio de Janeiro (RJ)

A Globo não mandará apresentadores e narradores para a cobertura e transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2021. A emissora definiu na última sexta-feira que enviará uma equipe reduzida, com apenas repórteres e produtores, para o Japão, embora a vacina da Covid-19 já esteja chegando em diversos países. A informação foi divulgada pelo site "UOL".

>> Veja a classificação do Campeonato Brasileiro 

O comando do esporte da Globo já entrou em contato com os profissionais que estavam escalados para ir a Tóquio antes da pandemia do novo coronavírus. No planejamento inicial, seria enviada uma equipe com 100 profissionais, o que, agora, não deve chegar a 30. A lista final deve ser definida em fevereiro.

Mesmo no Brasil há uma análise das escalas para os Jogos. Narradores como Galvão Bueno, Jota Jr e Milton Leite correm riscos de não participar das transmissões, caso não haja uma involução no número de casos de Covid, já que esses fazem parte do grupo de risco (maiores de 60 anos).

Na TV aberta, a Globo prevê 200 horas de conteúdo, contando jogos, reportagens e programas esportivos. Para o SporTV, serão oito canais exibindo várias modalidades, além de sinais na internet para outros eventos que não cabem na televisão.