Brasil x Rússia - vôlei feminino - Olimpíada de Tóquio

Rosamaria atua há três temporadas no voleibol italiano (Foto: PEDRO PARDO / AFP)

LANCE!
04/08/2021
22:29
Tóquio (JAP)

Rosamaria foi uma das sensações na web após a vitória da Seleção Brasileira feminina de vôlei sobre o Comitê Olímpico Russo por 3 sets a 1. A oposta de 27 anos fez uma das melhores partidas de sua carreira e ganhou muitos elogios de seu pai, que já avaliou a atleta como "consagrada" no esporte e que poderia atuar em qualquer clube no mundo. 

> Confira a tabela do futebol na Olimpíada de Tóquio e simule os resultados!

- Se vier ou não vier a medalha, agora não tem problema. Para mim, como pai, minha filha se consagrou como jogadora de voleibol. Ela pode jogar em qualquer time do mundo, eu acho, depois de hoje, numa semifinal como foi essa daqui, e ela fazer o que fez - contou Roque Montibeller, pai de Rosamaria, ao portal "G1". 

O pai da atleta seguiu a mesma direção dos internautas nas redes sociais. No Twitter, o nome de Rosamaria continuou entre os assuntos mais comentados da plataforma horas depois do jogo, e cheios de elogios à Rosamaria. 

+ Conheça o novo app do LANCE! e fique por dentro dos resultados e notícias!

- O que a Rosamaria jogou hoje é brincadeira! Gigante demais - comemorou um internauta. 

- A atuação da Rosamaria é muito histórica, imagina sair do banco com o time perdendo e fazer 6 pontos de bloqueio em uma quartas de final olímpica contra as russas, maior jogo da carreira - analisou outro. 

- Esse perfil não aceita nenhuma crítica à Rosamaria - brincou outra torcedora.