Chú

Campeã pela Ferroviária e agora no Palmeiras, Chú também defende a Seleção Brasileira (Foto: Mariana Sá/CBF)

LANCE!
11/05/2021
14:38
São Paulo (SP)

Francisleide dos Santos Barbosa, mais conhecida como a atacante do Palmeiras e da Seleção Chú Santos, virou alvo de comentários negativos após destilar uma fala preconceituosa sobre o ator Paulo Gustavo, que morreu de Covid-19. Aos 31 anos, a atacante, que já se desculpou, havia dito que o humorista iria para o inferno por ser gay e umbandista.

Prodigiosa, com passagens internacionais e punida pela patrocinadora e pelo clube: veja quem é Chú Santos e por que ela virou notícia fora de campo.

+ Relembre 20 tretas e polêmicas do apresentador Neto no futebol e na TV

DENTRO DE CAMPO, CARREIRA DE SUCESSO
Chú foi convocada pela primeira vez para a Seleção aos 21 anos, quando o Brasil esteve na Olimpíada de Londes, na Inglaterra, em 2012. Segundo o site especializado O Gol, ela soma 16 partidas e um gol com a amarelinha. Ela vem ganhando mais espaço desde que chegou no Alviverde em fevereiro.

Com títulos da Libertadores e Mundial de Clubes no currículo, Chú chegou ao Palmeiras após uma boa temporada na Ferroviária, clube no qual disputou 25 partidas e anotou sete gols, em 2020. Ao longo da carreira, a jogadora, que é filha de Carlos Show, famoso integrante do Carnaval carioca, brilhou por São José, Santos, Ferroviária e Corinthians, além de ter jogado na Dinamarca e na China. 


No São José, em 2014, ela esteva na histórica campanha onde o primeiro time brasileiro venceu o Mundial de Clubes, ao derrubar o Arsenal, no Japão. A atuação rendeu uma vaga no Corinthians Audax, onde Chú se tornou artilheira da Copa do Brasil 2016 - vencida pelo Alvinegro. Na Europa, ela foi companheira da lateral da Seleção e do Corinthians Tamires, onde jogaram juntas na Liga dos Campeões.

+ Líder, Palmeiras não terá vida fácil nas próximas rodadas do Brasileirão A-1

FALA PRECONCEITUOSA GEROU CRÍTICAS ENTRE ATLETAS
A polêmica começou quando, no último domingo, a jogadora usou seu perfil no Facebook para comentar o falecimento do humorista Paulo Gustavo. Na publicação, uma página comparou a morte do cantor e pastor evangélico Irmão Lázaro com a perda do "ator, gay e umbandista", fazendo alusão de que a doença pandêmica não escolhe gênero ou classe trabalhadora. 

Nos comentários, Chú disparou que "a diferença é que Paulo Gustavo iria para o inferno". A repercussão contou com comentários de diversas atletas, como a atacante Cristiane e demais colegas de Palmeiras. Para elas, a frase preconceituosa não só falta com respeito com as companheiras, como pode atrapalhar a imagem do futebol feminino. 

Corinthians x Palmeiras Brasileirão A-1 protesto
XÔ, PRECONCEITO! Jogadoras sinalizaram discordância antes de clássico (Reprodução/Band)

CLÁSSICO TEVE PROTESTOS E CHÚ EM CAMPO
Ainda no domingo, o clássico entre Corinthians e Palmeiras, pelo Brasileirão A-1, contou com protestos das jogadoras e dos clubes. A música do cantor Lulu Santos "Toda a forma de amor" foi reproduzida no estádio antes da bola rolar, assim como as jogadoras fizeram um coração com as mãos em forma de protesto. Mesmo com as críticas e o pedido de desculpas, Chú esteve em campo no empate em 1 a 1.

Segundo o Uol, o Palmeiras puniu a esportista, assim como a patrocinadora e responsável pelo material do clube, a Puma, não gostou de ter sua marca vinculada ao ato preconceituoso. A empresa costuma a criar campanhas por respeito à diversidade. 

NETO PEDE QUE ATLETA DEIXE O PALMEIRAS E NÃO VISTA MAIS A AMARELINHA
Não bastou muito para que o ídolo do Corinthians e apresentador da Band Neto se pronunciasse sobre o tema. Nesta segunda-feira, durante o programa "Baita Amigos", o ex-atleta detonou a jogadora. Ele opinou que o Alviverde deve rescindir o contrato de Chú e ela deva ser banida da Seleção, além dele ter classificado Santos como “idiota” e “imbecil”.

- Coloca a sua Igreja, todas as suas pessoas em seu pensamento. E sua Igreja não tem nenhum homossexual? Nenhum bissexual? Nenhum trans? Nenhuma lésbica? Nossa, que Igreja maravilhosa a sua, né? Então... A Marta e a Cristiane não prestam e vão tudo para o inferno? Para ela vocês não prestam.

PEDIDO DE DESCULPAS: "EMPOLGAÇÃO"

Comentário Chú (Palmeiras) sobre Paulo Gustavo
Após fala homofóbica, Chú fechou suas redes sociais (Reprodução / Facebook)

Chú publicou, depois da repercussão negativa de seu comentário, um pedido de desculpas. A atacante disse que este tipo de ocorrido não vai mais acontecer e pediu para que todos a perdoassem.

- Dá mesma forma que eu tive peito de ir lá e comentar no Facebook, da Maria Padilha como está o nome, eu também tenho peito, tenho cara, tenho coragem e tenho caráter de vir aqui me desculpar para vocês. Pode ter certeza que não vai mais acontecer. Foi uma forma no impulso, né? E acabou gerando esse comentário. Quero pedir desculpa para todos vocês, se atingiu vocês de alguma forma, se não foi do agrado de vocês, venho aqui pedir desculpa. E não somente desculpa, quero que vocês também me perdoem, tá bom - disse a atacante em vídeo.