Fabiana vôlei

Fabiana e o marido serão pais de um menino (Divulgação)

LANCE!
14/01/2021
17:52
Rio de Janeiro (RJ)

As Olímpiadas de Tóquio 2020 ficaram para 2021, por causa da pandemia do novo coronavírus. Com isso, o sonho da bicampeã olímpica de vôlei Fabiana de disputar a quinta Olímpiada esfriou, enquanto o grande sonho de ser mãe aqueceu como nunca. Com quatro meses de gravidez, a atleta contou um pouco sobre o novo momento da vida.

- A minha cabeça estava um pouco nos Jogos Olímpicos, aquela coisa toda envolvida com o vôlei, de tentar conseguir uma vaga nas Olimpíadas. Mas, com todo o adiamento, com tudo o que aconteceu, foi a melhor solução para todos nós. Eu já tinha esse desejo de ser mãe. Vi que era a grande oportunidade de conseguir realizar esse sonho. Conversei muito com a minha família, com meu esposo. E, graças a Deus, deu tudo certo - disse, em entrevista ao site 'ge'.

+ Como está seu time? Veja a tabela atualizada do Brasileirão!

A atleta, que será mãe de um menino, quase não sai mais de casa por causa da pandemia. Ela contou que está aproveitando a gravidez e a oportunidade dar maior atenção para a família e o marido.

- A minha vida sempre foi muito corrida, desde os 13 anos. Sempre seleção, clube, viagem atrás de viagem. Fui me distanciando pelo esporte. Então, nesse momento, eu queria estar próxima de todo mundo, mas não podia, por conta da pandemia. Estou conseguindo aproveitar a gravidez, curtindo o casamento. (...) Estou conseguindo viver isso, estar mais próxima, mesmo que não seja fisicamente - concluiu.