Luccas Claro - Flamengo x Fluminense

Luccas Claro marcou o gol de empate do Fluminense no clássico do Maracanã (Foto: Mailson Santana/Fluminense FC)

Luiza Sá
08/01/2021
06:00
Rio de Janeiro (RJ)

A grandiosa virada do Fluminense contra o Flamengo, na quarta-feira, começou ainda aos nove minutos do segundo tempo, quando Luccas Claro apareceu bem na área para cabecear e deixar tudo igual no clássico vencido pelo Tricolor por 2 a 1, no Maracanã. Com seis gols marcados até aqui, ele é o zagueiro que mais balançou a rede nesta temporada entre os jogadores da Série A. E, mesmo retornando de lesão, o atleta provou mais uma vez a importância que tem para o time do Flu.

> ATUAÇÕES - Marcos Felippe, Luccas Claro, Fred e Yago se destacam em vitória do Fluminense

Não só de marcar gols Luccas Claro é feito. Na defesa, ele também se sobressai. De acordo com dados do "SofaScore", o jogador tem, neste Campeonato Brasileiro, 21 jogos, 59 cortes, 36 interceptações, 12 faltas, 69% dos duelos ganhos, apenas dois dribles sofridos e nenhum erro defensivo. Além disso, o atleta ainda não levou nenhum cartão amarelo, algo impressionante para um defensor. Só no clássico, Luccas foi responsável por recuperar a posse de bola 10 vezes.

Com 1,82 de altura, Luccas Claro não é considerado por muitos como um zagueiro alto. No entanto, ele é uma das principais armas do Fluminense em jogadas aéreas, seja para finalizar ou para atrair a marcação e deixar os companheiros livres. Como compensar essa diferença para os outros defensores? O jogador explica: com muito trabalho.

VEJA A TABELA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

- Treino, treino e treino. Não tem fórmula mágica, não. É preciso ser mais ligeiro e procurar se posicionar melhor que o adversário pra ter vantagem em cada jogada, seja na defesa ou no ataque. Graças a Deus tenho conseguido executar bem isso defendendo e atacando. São situações de treino que procuramos colocar em prática nas partidas pra que possamos sempre sair em vantagem no jogo - disse, ao LANCE!.

Algo que atletas e comissão destacaram após a vitória no clássico foi a determinação e a entrega do grupo durante a partida, especialmente no segundo tempo. Antes deste jogo, o Fluminense vinha de três jogos sem vencer, com atuações especialmente ruins contra Vasco e Atlético-GO. A queda de rendimento coincidiu com a saída do técnico Odair Hellmann, que foi para os Emirados Árabes. Para Luccas Claro, mesmo o time de Marcão já vinha mostrando qualidades, mas só colocou em prática nesta quarta.

- Acredito que o grupo já tem apresentado isso há alguns jogos, mas ainda não tínhamos vencido. O clássico tem uma atmosfera diferente e todos nós entramos obcecados pela vitória. Entendo que isso, unido a toda preparação que fizemos pro jogo, foi que nos levou a vitória. Agora precisamos achar uma forma de mantermos essa garra e obstinação para alcançarmos a posição mais elevada possível na tabela de classificação até o final do Brasileirão - completou.

Como não sofreu com suspensões, as únicas vezes em que Luccas Claro desfalcou o Fluminense foram por uma lesão na coxa direita contra o Atlético-GO, quando passou uma partida fora, e antes disso, no momento em que o jogador foi um dos vários atletas do Flu a contraírem Covid-19. Desde que assumiu a titularidade, o defensor ficou apenas três vezes no banco.

Por essa superação durante a temporada, quando passou de quarto zagueiro a titular, a renovação de Luccas Claro era tida como uma prioridade para o Fluminense. As partes chegaram a um acordo em setembro, quando o Flu garantiu um vínculo até dezembro de 2022. O zagueiro e os companheiros vão voltar a entrar em campo apenas na próxima quarta-feira, em confronto direto contra o Corinthians, na Neo Quimica Arena, às 21h30.