Cruzeiro x Fluminense - Fred

Fred não ameaçou a meta do Tricolor (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

Sergio Santana
16/05/2019
09:00
Rio de Janeiro (RJ)

Reencontrar um ente querido sempre é um evento especial. Para Fred, a coisa não é diferente: o atacante retornou ao Maracanã na última quarta-feira para enfrentar o Fluminense, clube que defendeu entre 2009 e 2016. Da chegada ao estádio até as entrevistas após o apito final, o atleta mostrou que o clube das Laranjeiras ainda está nos seus pensamentos.

Atualmente no Cruzeiro, o atacante reiterou a vontade de balançar as redes independentemente do rival, mas saiu do Maracanã devendo. Diante da postura da Raposa em esperar no campo defensivo, o camisa 9 não teve nenhuma chance de marcar e, sem fazer nenhuma finalização, não assustou a defesa do Tricolor durante os 90 minutos.

Apesar da atuação apagada, Fred não deve esquecer a partida no Maracanã. Mesmo vestindo a camisa de outra equipe, foi aplaudido pela torcida tricolor no anúncio da escalação do Cruzeiro no telão do Maracanã, antes da partida começar, e na sua saída de campo, aos 37 minutos do segundo tempo, para a entrada de Sassá. 

Assim como em outras oportunidades, Fred reiterou o amor que sente pelo Fluminense. Pelo clube das Laranjeiras, o atacante, durante sete anos, disputou 288 jogos, balançou a rede em 172 oportunidades e conquistou quatro títulos, incluindo dois Campeonatos Brasileiros. 

- Toda vez que eu enfrento o Fluminense é diferente. Quando eu olho para a torcida, penso que temos uma relação íntima, por tudo que vivi aqui. Essa gratidão deles me enche de satisfação - afirmou o atacante.

O retorno de Fred ao Maracanã, no fim, foi mais positivo ao Fluminense. O camisa 9 não conseguiu colocar um desempenho positivo, sendo travado pelos zagueiros do Tricolor durante todo o instante. A atuação irregular da equipe de Mano Menezes refletiu no atleta.