Fluminense x Santa Cruz - Allan

Allan vem se firmando como titular do meio-campo do Fluminense (Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)

Joel Silva 
14/05/2019
14:33
Rio de Janeiro (RJ)

O Fluminense inicia nesta quarta-feira o confronto diante do Cruzeiro pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O time mineiro é o atual bicampeão da competição, avançou na Libertadores da América e possui um elenco bastante qualificado. No entanto, apesar de todos esses argumentos, o volante Allan afirmou que o Tricolor precisa jogar da mesma maneira, sempre impondo o seu estilo de jogo.

- Acho que não muda nada a forma de encarar. Vou jogar como se fosse contra qualquer outro adversário. A responsabilidade é a mesma assim como nos outros jogos. Nosso comprometimento é com o clube. A gente sabe que se trata de bons jogadores. Temos que ter cuidado sim, mas vamos jogar nosso futebol, impor a nossa metodologia e não se preocupar muito com isso. A gente sabe que tem que tomar cuidado, mas temos que continuar jogando e ao mesmo tempo marcá-los.


O primeiro jogo será no Maracanã, lembrando que não há o critério de gol marcado na casa do adversário. Por conta disso, Allan não vê pressão para que o time decida a vaga já nos primeiros 90 minutos.

- Eu não acredito que seja o jogo determinante, já que são dois jogos, mas um bom resultado ajuda sim a levar uma vantagem para o próximo jogo. Tivemos provas já nessa temporada. Contra o Santa Cruz tivemos um resultado bom, 2 a 0, e acabamos com dificuldades. Então estamos já bem treinados em relação a isso e não acredito que seja um jogo decisivo não.

A partida marca o reencontro do Fluminense com o atacante Fred. Allan valorizou toda a história que ele tem com o Tricolor, destacou as suas qualidades como centroavante, afirmando que é necessário estar sempre atento.

- A gente sabe da história bonita que o Fred tem aqui no Fluminense. Sabemos também que precisamos tomar cuidado com ele por ser um grande jogador, é oportunista, mas não vamos dar mole para ele.

Se o Cruzeiro tem Fred, o Fluminense tem Paulo Henrique Ganso, uma das grandes armas do Tricolor para conquistar a classificação. O volante Allan espera que Ganso possa fazer a diferença, garantindo que todo o grupo vai ajudar o meia a retomar o bom futebol.

- O Ganso muda a cara do time, pelo peso que tem, pela história. Não só pelo nome, mas pela qualidade. A gente sabe que ele é um grande jogador. Em qualquer momento pode decidir uma partida para a gente. Voltou para somar, para ajudar e vamos ajudar ele também a retomar o futebol, a forma dele e espero que dê tudo certo.

Copa Sul-Americana só depois

Na segunda fase da Copa Sul-Americana, o Fluminense vai jogar contra o Atlético Nacional, decidindo a vaga na Colômbia. Questionado sobre o adversário, Allan admitiu que não conhece o time colombiano, afirmando que o foco precisa estar apenas nos dois jogos em sequência diante do Cruzeiro.

- Vou ser bem sincero. Eu não conheço o time do Atlético Nacional, mas é um clube que já chegou algumas vezes. Primeiro temos que focar no Cruzeiro, nesses dois jogos. Temos que ganhar para depois pensarmos no Atlético Nacional.