Sampaoli se surpreende com atuação do Flamengo contra o Bragantino: ‘Não esteve em campo’

Treinador questiona atuação do Rubro-Negro, goleado por 4 a 0

gazeta-press-foto-1894460-scaled-aspect-ratio-512-320
Sampaoli desolado à beira do campo após goleada para o Bragantino (Foto: Eduardo Carmim/Gazeta Press)

Escrito por

Nesta quinta-feira (22), o Flamengo praticamente não viu a cor da bola e foi goleado pelo Red Bull Bragantino por 4 a 0. Ao final do duelo, Jorge Sampaoli concedeu entrevista coletiva, se disse surpreso com o resultado e afirmou que a postura do time e o futebol apresentado o preocuparam muito.

+ Renove o seu estoque de Mantos Sagrados com o cupom LANCEFUT 10% OFF

- Agora não tenho muita explicação. Eu estava com muita ilusão para este jogo, mas o time foi superado claramente pelo rival. Vamos analisar com mais detalhes depois, mas o time não encontrou a possibilidade de competir no jogo. O Bragantino jogou um jogo de muita intensidade e nos superou amplamente.

- Uma partida totalmente atípica, eu não esperava um jogo assim. A gente se preparou muito, aproveitou de maneira intensa o tempo de treinamento. Sinceramente, analisarei bem a realidade, porque estou surpreendido com o que aconteceu. O time perdeu o duelo, perdeu a bola porque não jogou, praticamente não esteve em campo - disse.

+ Veja tabela do Brasileirão

VEJA OUTRAS RESPOSTAS DO TÉCNICO:

Ainda sobre o jogo - Everton Ribeiro disse que a equipe não se ajudava
- Para mim, o problema foi no jogo coletivo. Quando um time não pode jogar coletivamente, sofre. O time não jogou e o Bragantino foi melhor nos duelos individuais.

Sobre atuações individuais:
- Analisar pontualmente um jogador seria injusto. O time, como falei, foi superado. Não acredito que foi a qualidade individual que determinou o jogo, foi a coletiva. Muita perda da bola, tentamos trocar, mas o trâmite continuou com o domínio do rival.

Jogadores escolheram chuteiras erradas?
- A chuteira não tenho o que dizer, foi parte de um todo. Os jogadores estavam incomodados no campo, as ações eram tão desesperadas que, às vezes, afetava a chuteira. Refletiu o momento que vivia o time.

O que esperar do jogo contra o Santos?
- O time tem que reagir rápido. Vinha de 10 jogos sem perder, com muitas vitórias. A passividade do time me preocupa muito. Mais do que uma análise coletiva, posicional, de jogadores e que tem minha responsabilidade também. É algo que o time tem que rever, a torcida tem direito de reclamar de uma atuação como essa. É algo que nem a torcida e nem o clube merecem.

circulo com pontos dentroTudo sobre

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter