Juventude x Flamengo - Diego

Diego em ação na partida contra o Juventude (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

LANCE!
28/06/2021
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Além dos atletas que disputam a Copa América, o Flamengo não pôde contar com Rodrigo Caio na derrota para o Juventude neste domingo, em Caxias do Sul. A decisão foi da comissão técnica, após avaliação, devido à sequência de jogos do zagueiro, que sofreu com lesões na temporada passada.

O camisa 3 havia sido titular nas cinco partidas anteriores do Flamengo e foi substituído por Gustavo Henrique. De acordo com o Flamengo, o processo de preservação será feito com outros atletas, e Diego, titular nos últimos nove jogos, pode ser o próximo.

+ ATUAÇÕES: Matheuzinho comete falha fatal e recebe pior nota em derrota do Flamengo

Líder técnico e entre os mais experientes do elenco, o camisa 10 não sai do time inicial desde 19 de maio, quando o Flamengo empatou com a LDU na fase de grupos da Libertadores. Naquela ocasião, Diego foi preservado por Rogério Ceni, começou no banco de reservas e entrou em campo aos 16 minutos do segundo tempo. 

+ Confira a tabela completa do Campeonato Brasileiro

A última partida em que Diego não entrou em campo foi o segundo jogo da semifinal do Campeonato Carioca, contra o Volta Redonda, em 8 de maio. Desde então, são 12 aparições em sequência do capitão, sendo 11 como titular e uma saindo do banco.

Dentro do elenco rubro-negro, outros atletas acumulam grandes sequências de jogos como titulares. Diego Alves, com oito, é o segundo da lista, seguido de perto por Willian Arão e Bruno Henrique, ambos com sete jogos.

A decisão de preservar os jogadores, conforme divulgou o Flamengo, terá como base as avaliações feitas pela comissão técnica e departamento médico. Ou seja, o atleta com mais partidas consecutivas não será, necessariamente, o próximo a ser preservado, como foi o caso de Rodrigo Caio contra o Juventude.