Rodrigo Souza*
30/10/2020
22:45
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo lutou até o último segundo, mas foi derrotado pelo Quisma (ARG) por 92 a 86, e ficou com o vice da Champions League das Américas, principal torneio continental do basquete. Após bater o San Lorenzo (ARG), o time argentino voltou a surpreender e encerrou a série invicta do Rubro-Negro na competição. Brandon Robinson anotou 26 pontos e foi o destaque da partida. 

Quimsa x Flamengo
Flamengo sofreu apagão no último quarto e foi derrotado na final da Champions da América de Basquete (Divulgação/FIBA)

A competição retornou após ser paralisada em março em virtude da pandemia do novo coronavírus. O Flamengo já estava na final, mas realizou partidas no Campeonato Carioca, no qual se sagrou campeão no último mês, em busca de recuperar o ritmo. O Quisma, por sua vez, precisou enfrentar o San Lorenzo para assegurar a vaga na decisão. Com o título, os argentinos asseguraram a vaga no Mundial de basquete.

O JOGO 

Após surpreender na semifinal, o Quisma entrou em quadra disposto a mostrar que a vitória sobre o San Lorenzo não foi apenas obra do destino. O time se impôs diante do invicto Flamengo e abriu uma vantagem de 27 a 19. Já no segundo período, o Rubro-Negro se organizou e equilibrou o duelo, levando a melhor no quarto por 24 a 23, mas foi para o intervalo em desvantagem. 

No segundo tempo, o Flamengo voltou melhor, dominou o time argentino e virou o placar após uma vitória por 25 a 13 no terceiro quarto, e parecia que iria caminhar para o título. Marquinhos, González, Balbi e Rafael Hettsheimeir foram os destaques do time no duelo. No entanto, no último quarto, o Quisma reagiu, fez 29 a 18, e faturou o caneco e a vaga no Mundial de basquete.

DESTAQUES: 

Quisma (ARG) 

Brandon Robinson: 26 pontos e 5 rebotes 
Diamon Simpson: 17 pontos e 6 rebotes 
Nicolas Copello: 11 pontos e 6 rebotes 

Flamengo 

Marquinhos: 20 pontos
Luciano González: 16 pontos 
Franco Balbi: 14 pontos, 6 rebotes e 5 assistências 

*Sob a supervisão de Victor Mendes