Maracanã - Flamengo x São Paulo

Diretoria do Flamengo luta pelo retorno da torcida aos estádios do nos jogos (Foto: Divulgação/Flamengo)

LANCE!
08/09/2021
10:10
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo decidiu que não participará da reunião do Conselho Técnico da CBF, nesta quarta-feira, que terá como pauta única deliberar sobre a volta do público aos estádios nas partidas das competições organizadas pela entidade.


O clube entende que o tema "escapa à competência desportiva da CBF, está reservado às autoridades locais e colide com a decisão proferida pelo egrégio STJD, na pessoa de seu presidente", e, por uma questão de princípio e de lógica jurídica, conforme publicado em nota, explica que não atenderá a convocação.

A reunião está marcada para às 11h, e a CBF convocou os clubes da Série A.

A diretoria do Flamengo se movimenta, nos bastidores e publicamente, há meses pelo retorno da torcida ao Maracanã. Em 26 de setembro de 2020, o clube já havia publicado nota oficial com o entendimento de que a CBF não teria competência, assim como os clubes, em decidir sobre o tema do retorno do públicos aos estádios. A CBF, por sua vez, respondeu. Relembre aqui!

Nesta quarta, o clube destaca a decisão liminar do Dr. Otávio Noronha, presidente do STJD, reconhecendo que não compete à CBF tratar da questão.

O Flamengo ainda reforça que "enxerga a retomada do público ao futebol, autorizada pelas autoridades governamentais responsáveis, como questão de suma importância, tanto no relacionamento dos clubes com seus torcedores como também na sobrevivência financeira das entidades desportivas."

Além de lembrar que a Conmebol já reconheceu que a presença das torcidas nos estádios é uma questão sanitária que deve seguir a normatização dos governos locais. Até por isso, nas últimas fases da Libertadores, o Rubro-Negro atuou no Mané Garrincha, em Brasília, com o estádio parcialmente liberado.

Prefeitura libera público parcial

Por meio de uma nota técnica da Secretária de Saúde, a Prefeitura do Rio de Janeiro decidiu liberar parcialmente a presença de público nos jogos do Rubro-Negro a partir de 15 de setembro, data da partida contra o Grêmio, pela Copa do Brasil. Três jogos do Flamengo servirão como eventos-teste na cidade do Rio de Janeiro, com a liberação de 35% a 50% da capacidade total Maracanã. A informação foi inicialmente publicada pelo site "ge".