Flamengp

Muro da Gávea foi pichado durante a madrugada (Foto: Reprodução)

LANCE!
20/05/2019
08:56
Rio de Janeiro (RJ)

A calmaria obtida após a vitória contra o Corinthians, pela Copa do Brasil, virou tempestade após a derrota para o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro. Os muros da Gavea e do Ninho do Urubu foram pichados, na madrugada desta segunda-feira, com protestos contra Abel Braga e Luiz Eduardo Baptista, principalmente.

As frases "Fora Abel" e "Fora BAP" estiveram presentes tanto no muro da Gávea, quanto no Ninho do urubu. Ao treinador, críticas sobre as suas análises pós-derrotas e a mensagem de "perder não é normal". Para o dirigente, um dos principais responsáveis pela permanência do comandante, foi escrito que "o Fla não é seu". 

Outra crítica dos torcedores foi pela valorização do título da Flórida Cup, que chegou a virar polêmica após nota oficial divulgada pelo clube exaltar o feito. A intitulada "Copa Mickey" também esteve presente nas pichações. O Flamengo agiu rapido e as mensagens foram apagadas logo na manhã desta segunda-feira. 

Após a derrota para o Atlético-MG, no último sábado, o Flamengo volta a campo no domingo (26) para enfrentar o Athletico-PR, no Maracanã. O Rubro-Negro está, momentaneamente, na sétima colocação com sete pontos - seis a menos que o líder Palmeiras.