Jorge Jesus e Maurício Souza - Flamengo

Maurício Souza recebe orientações de Jesus (já em Portugal para assinar com o Benfica) (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

Lazlo Dalfovo e Matheus Dantas
22/07/2020
06:55
Rio de Janeiro (RJ)

- Não tenho pressa para que nada aconteça.

A frase acima foi proferida por Maurício Souza, logo após um dos quatro jogos em que esteve à frente da equipe profissional do Flamengo, com garotos, no Carioca deste ano. E agora, mais precisamente a partir da tarde desta quarta-feira, no Ninho do Urubu, o treinador passará a comandar o grupo principal do Rubro-Negro, enquanto o substituto de Jorge Jesus não é anunciado. 

Com ou sem "pressa" de treinar o Flamengo de maneira definitiva, Mauricinho, como é chamado nos corredores do CT, tem uma missão nada simples, já que a estreia no Campeonato Brasileiro está batendo à porta (na primeira quinzena de agosto). A pressão é inerente ao cargo, e ele, permanecendo na função até lá ou não, está ciente:

- A gente sabe que, para trabalhar no Flamengo, a gente tem que estar preparado para todo tipo de pressão. A gente quer dar o melhor - falou Mauricinho, ainda em janeiro.

Nos quatro jogos do Estadual, Maurício Souza saiu de cena com duas vitórias (contra Volta Redonda e Vasco), um empate (com o Macaé) e uma derrota (para o Fluminense, no seu derradeiro teste). O comandante de 44 anos, neste período, admitiu que Jesus era uma "inspiração" no clube.

- É uma inspiração para todos nós. Acho que a base tem que trabalhar desta maneira. Nas conversas que tive com ele, me deixou bem à vontade, dando apoio. A intenção é colocar os atletas o mais próximo possível do que ele pensa - falou Mauricinho, que viu Jesus entregar-lhe a medalha de campeão da Taça Guanabara pessoalmente, além de elogiá-lo. 

DIFERENÇAS DE JESUS

Mauricinho, que passou por todas as categorias de base do Flamengo, costuma montar suas equipes com uma defesa mais baixa e três atacantes, sendo dois de velocidade pelas pontas, em um esquema mais posicional, sem muitas variações e peças flutuando - como Jesus adotava com os seus comandados. 

Mas há algumas similaridades com o que JJ apresentava. E Mauricinho também já falou sobre isso, quando questionado acerca dos estilos e posturas nos jogos - novamente em janeiro:

- Eu tenho certeza que o Mister tem deixado um legado muito grande, é um treinador de alto nível. Mas quem acompanha minhas equipes desde o início do ano (passado), sabe que eu faço não só essa mudança de estrutura, mas como outras. Hoje (após vitória contra o Vasco, por 1 a 0), nós tivemos o Hugo (Moura) encaixando, o Vinícius (Souza) virando volante, que é basicamente o que o Mister também faz - falou, emendando:

- Tivemos volantes lado a lado, laterais lá dentro (no apoio), lateral-volante-lateral e os pontas abertos... enfim, chamo de mudança da estrutura funcional. A gente tem que estar mudando ela para, de alguma forma, surpreender uma defesa tão baixa como a do Macaé (jogo anterior). Volto a falar, é claro que ele (Jesus) vai deixar um legado, infelizmente falo muito menos com ele do que eu gostaria, até por conta das demandas. Lógico que ver a equipe dele jogar é um aprendizado também.

QUEM 'SOBE' COM MAURICINHO

Para dar continuidade ao trabalho de Jesus nos treinos, seguindo o citado "legado" do português, Maurício Souza terá a companhia de dois auxiliares, que também "sobem" para os profissionais: Márcio Torres e Ramon Lima. Além disso, o preparador físico Arthur Peixoto é outro que integrará a comissão técnica do time de cima.

Cabe lembrar que seis portugueses da comissão permanente de Jesus também deixaram o clube rumo ao Benfica.

MAIS SOBRE MAURÍCIO SOUZA

Maurício Barbieri e Maurício Souza
Barbieri e Souza: xarás e parceria em 2018 (Foto: Gilvan de Souza/CRF)

Através da assessoria de imprensa de Maurício Souza, mais informações a respeito do início da trajetória do jovem técnico foram externadas. Ele iniciou a trajetória no futsal, já passou pela base do Botafogo antes de ir para o Flamengo e, de destaque em relação a títulos pelo clube da Gávea, acumulou notoriedade ao conquistar a Copa São Paulo de Futebol Júnior (2018) e o Campeonato Brasileiro Sub-20 (2019).

- Com 44 anos, Mauricio Ferreira Souza começou no futsal, do sub-15 ao profissional, antes de migrar para o futebol de campo, no qual foi treinador de todas as categorias de base a partir do sub-13. No Flamengo, Mauricio fez parte da comissão técnica em 2018 e, atualmente, é o treinador do time sub-20, pelo qual foi campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2018, do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil da categoria em 2019. Ele comandou a equipe principal do Rubro-negro nas primeiras rodadas da Taça Guanabara deste ano, durante as férias do português Jorge Jesus, participando da conquista do título estadual - emitiu a assessoria de Mauricinho.

Acrescentando: Maurício Souza foi auxiliar de Maurício Barbieri em 2018. Ou seja, será mais uma passagem dele, que conta com o respaldo de Carlos Noval (gerente de transição da base do Fla), pelos profissionais do clube, porém com holofotes mais significativos. 

CURRÍCULO E CONQUISTAS

Clubes:
Botafogo (2006 a 2016 - incluindo o período no futsal) e Flamengo (desde 2017)

Títulos: 
Pelo futsal:

Botafogo

- Campeão Carioca Sub-17 2011
- Campeão Carioca categoria principal 2011
- Campeão Carioca Sub-17 2012
- Campeão Carioca Sub-20 2012
- Campeão Copa do Brasil Sub-20 2012
- Vice-campeão Carioca categoria principal 2013
- Campeão Copa do Brasil Sub-20 2013
- Campeão Carioca Sub-20 2013

Pelo futebol de campo:

Botafogo

- Campeão da Copa da Juventude Sub-13 (2010)
- Vice-campeão do Campeonato Metropolitano (RJ) Sub-13 (2011)
- Campeão da Copa Revela Talentos Sub-17 (2011)
- Vice-campeão do Mundialito Sub-15 (2012)
- Campeão da Taça Rio Sub-20 (2014)
- Campeão Carioca Sub-20 (2014)
- Vice-campeão da Taça Guanabara Sub-20 (2015)
- Vice-campeão da Taça Rio Sub-20 (2015)
- Vice-campeão Carioca Sub-20 (2015)
- Campeão do Torneio Otávio Pinto Guimarães Sub-20 (2015)

Flamengo:
- Campeão da Copa São Paulo de Futebol Jr (2018)
- Campeão da Taça Rio Sub-20 (2018)
- Campeão do Torneio Otávio Pinto Guimarães Sub-20 (2018)
- Vice-campeão Brasileiro Sub-20 (2018)
- Campeão da Taça Guanabara Sub-20 (2019)
- Campeão Carioca Sub-20 (2019)
- Campeão da Taça Otávio Pinto Guimarães Sub-20 (2019)
- Campeão Brasileiro Sub-20 (2019)
- Campeão da Copa do Brasil Sub-20 (2019)