LANCE!
06/09/2018
13:20
Rio de Janeiro (RJ)

Do dia 7 ao 26 de setembro, a Casa França-Brasil, no Centro do Rio de Janeiro, receberá a exposição "Flamengo: História de uma paixão". Com fotografias, vídeos, oficinas de arte, debates e espaço destinado ao torcedor, a mostra - com curadoria de Nelson Ricardo Martins, realização do clube e produção da Fase 10 Ação Contemporânea - ocupará todas salas do museu em homenagem ao Rubro-Negro, com um recorte da trajetória da fundação até os dias de hoje.

- A exposição se constitui em uma iniciativa inédita, uma vez que, nunca se ocupou um grande centro cultural da cidade trazendo a história de um clube carioca - explica o curador Nelson Ricardo Martins.

Serão expostos, por exemplo, quatro painéis com 4 metros de largura e 2,5 metros de altura, que ficarão no salão principal, com cerca de 170 fotos e vídeos contando a história do Flamengo. Uma arquibancada estilizada será transformada em espaço de convivência. Em frente à arquibancada haverá um telão com imagens da torcida e gols emblemáticos.

Na exposição, os torcedores terão uma participação especial, através de figuras icônicas da torcida rubro-negra, como “Anjinho”, “Pânico”, “Valderrama” e “Dona Zica”, entre outros. Apaixonado pelo Flamengo e um dos maiores protagonistas da cultura nacional nos últimos anos, o cineasta Luiz Carlos Barreto, que em 2018 fez 90 anos, ganhará uma área com seu nome, onde serão projetadas dezenas de fotos que mostrarão a sua trajetória.

Os anônimos também terão seu espaço. Na “Sala da Paixão” haverá um imenso painel branco onde os torcedores poderão deixar frases, poemas ou desenhos para o time do coração. Nesta área também serão organizados encontros com professores e estudiosos sobre o esporte como ferramenta de inserção dos jovens de comunidades e periferias da cidade.

Com a presença do curador, historiadores, atletas ou rubro-negros ilustres, as visitas guiadas serão realizadas em diferentes horários, tanto para o público em geral quanto para estudantes de escolas públicas e particulares. Haverá ainda, durante a programação, oficinas de caricaturas. Estão sendo organizadas também mesas-redondas, debates e seminário.

A exposição também falará de futuro do clube da Gávea. Em uma área exclusiva, os visitantes terão a oportunidade, em primeira mão, de conhecer o projeto do novo museu do Flamengo e, ainda, estar próximo a taça Salutaris, que premiou o Flamengo, em 1927, como o clube Mais Querido do Brasil.

A visitação da mostra "Flamengo: História de uma paixão" na Casa França-Brasil acontecerá de terça a sábado, das 10h às 20, e, aos domingo, das 10h às 19h.