Emelec x Flamengo

Gabigol correu, tentou, mas não conseguiu salvar o Flamengo no Equador (Foto: Rodrigo BUENDIA / AFP) 

LANCE!
25/07/2019
00:13
Guayaquil (EQU) 

O Flamengo teve uma noite para esquecer nesta quarta-feira. Contra o Emelec, no primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores, em Guayaquil, o Rubro-negro foi derrotado por 2 a 0 e vai precisar de uma vitória por três gols de diferença, na partida de volta, para avançar na competição. Na Libertadores, vale a regra do gol qualificado. 

Dessa forma, um novo 2 a 0, no Maracanã, leva a partida para os pênaltis. Caso sofra um gol, o Fla precisará abrir, obrigatoriamente, três gols de vantagem. Diante da montanha de dificuldades que a equipe carioca vai precisar escalar para reverter o placar do confronto, Gabigol, um dos poucos que se salvaram no Equador, pede que o torcedor lote o palco mais tradicional do futebol brasileiro. 

- Claro que não foi o jogo que a gente esperava. Criamos algumas chances, mas nenhuma tão clara, só em jogadas individuais. Acabamos tomando o segundo gol em um desvio, em um azar. Creio eu que precisamos da torcida para lotar o Maracanã. Vamos nos dedicar bastante nos próximos dias, como a gente vem fazendo. Vamos virar isso - prometeu o camisa 9. 

Quem também falou à beira do campo foi Rodrigo Caio. O zagueiro, outro que conseguiu manter um bom nível contra 'Los Eléctricos', desculpou-se com o torcedor rubro-negro pela atuação desastrosa da equipe, em Guayaquil, e, assim como Gabriel, projeta um Maracanã lotado na busca pela classificação:

- O resultado é de esquecer. A gente tentou, no primeiro tempo tivemos um maior domínio. Infelizmente tomamos o gol no primeiro lance do jogo. Isso dificultou muito porque eles se fecharam bem e marcaram muito forte, e nós não conseguimos fazer o que deveríamos, que é a triangulação na última parte do campo para tentar fazer o gol. Temos que refletir muito, sabemos que temos que melhorar, sabemos que hoje foi uma partida muito abaixo de todos. Mas tem mais um jogo, e temos que acreditar até o fim. Ficamos muito tristes pela forma como foi, sabemos que vai ser difícil. Pedimos desculpas aos nossos torcedores, mas pedimos ajuda deles para lotar no Maracanã e que possam nos apoiar até o fim.

A partida de volta, que decide quem avança para as quartas de final da Copa Libertadores, acontece na próxima quarta-feira, na capital carioca. Antes, no domingo, o Flamengo busca recuperar o ânimo no clássico contra o Botafogo. As equipes enfrentam-se no domingo, às 16h, no Maracanã.