Junior Jogo das Estrelas

Celso Pupo/Fotoarena

LANCE!
28/12/2018
16:01
Rio de Janeiro (RJ)

Ídolo do Flamengo, Júnior demonstrou confiança no trabalho da diretoria que vai assumir o Rubro-Negro em janeiro, encabeçada por Rodolfo Landim, que foi eleito presidente para o próximo triênio. O ex-camisa 5 da Gávea salientou ainda que Abel Braga, que será o técnico na próxima temporada, precisará apontar reforços para o elenco e pediu "um atacante que garanta 20 gols no ano".

O vice de futebol da nova gestão será Marcos Braz, gerente será Paulo Pelaipe e haverá uma comissão no departamento que terá também Luiz Eduardo Baptista, o Bap.

- Esse é um momento de transição, naturalmente. Pessoal que está chegando participou muito da última gestão. Estavam todos juntos em 2013, quando o Bandeira foi eleito. É dar continuidade a esse trabalho que vem sendo feito nos últimos anos. Com uma nova comissão técnica, vão escolher alguns jogadores para fortalecer mais ainda o time, que já tem qualidade, em algumas posições, como as laterais, perda do Réver... E encontrar um centroavante que garanta, pelo menos, uns 20 gols por ano. Abel vai ter essa responsabilidade. Estamos acreditando. Principalmente, porque o clube está em um trilho, o que era impensável há alguns anos. É um passo muito grande para que o Flamengo volte ás conquistas - disse.

Júnior comentou também o acerto com Abel Braga e lembrou que quando foi diretor do Flamengo contratou o treinador, que esteve à frente do elenco que levantou a taça do Carioca de 2004:

- Tive a felicidade de trazer o Abel em 2004, quando era diretor. Fizemos um amizade grande e vi o quanto o Abel era estudioso do futebol. O pontapé para que a carreira dele deslanchasse foi exatamente em 2004, quando foi campeão carioca conosco. Depois, seguiu a vida no Fluminense, Internacional... Tem todas as condições e competência para comandar essa equipe em 2019.