Bruno Spindel, Michael e Marcos Braz

Destaque no Brasileirão de 2019, pelo Goiás, Michael foi contratado pelo Flamengo em 2020 (Foto: Paula Reis / CRF)

Matheus Dantas
27/01/2021
21:10
Rio de Janeiro (RJ)

Em negociação para regularizar o pagamento referente à compra de Michael, a diretoria do Flamengo entrou em contato com a do Goiás nesta noite. As partes ainda não chegaram a um consenso, mas avançaram no sentido de acertar novo prazo para o clube da Gávea quitar a parcela de 2,5 milhões de euros, que deveria ter sido paga até segunda, dia 25. A confiança pelo lado Esmeraldino é de que o assunto logo será resolvido e que o Fla cumprirá seus compromissos.

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão

O Rubro-Negro tinha até segunda, dia 25, para pagar a terceira de quatro parcelas referentes à compra de Michael, a qual tem valor 2,5 milhões de euros. O investimento do Flamengo no atleta é próximo dos R$ 33 milhões de reais, com a última parcela a ser quitada em abril, com o valor de 1,1 milhão euros.

Há uma multa estipulada em contrato de 20% caso o Flamengo não quitasse a parcela - como veio a acontecer -, mas o valor não deverá ser cobrado caso a negociação ande da forma com que os dois clubes esperam neste momento.

Sem repetir o desempenho que teve no Goiás pelo Flamengo, Michael pode estar de saída do clube. O atacante interesse ao Al Ain, dos Emirados Árabes, que deseja contratá-lo por empréstimo de seis meses e já apresentou uma oferta. O Flamengo ofereceu uma contra-proposta e a definição é aguardada para os próximos dias, uma vez que a janela de transferência para o futebol do país se encerra em 1º de fevereiro. A informação foi divulgada pelo site "ge".