Vasco x Flamengo Arrascaeta

Tem espaço? Arrascaeta e Diego mostraram bom entrosamento no último jogo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

LANCE!
13/04/2019
16:30
Rio de Janeiro (RJ)

A possibilidade de Arrascaeta estar entre os titulares do Flamengo diante do Vasco, neste domingo, já é motivo para os rubro-negros estarem confiantes. Afinal, o meia uruguaio tem um excelente retrospecto diante do rival desde a sua chegada à Gávea. São dois clássicos e dois gols marcados pelo camisa 14, que, por outro lado, busca a primeira vitória no tempo normal no confronto.

Foram dois encontros entre Flamengo e Vasco neste ano, e dois empates por 1 a 1. Pela fase de grupos da Taça Rio, Arrascaeta abriu o placar no início da segunda etapa, em com chute cruzado de pé esquerdo. O Vasco, por sua vez, chegou ao empate já nos acréscimos, em pênalti cobrado por Maxi López.

Na final da Taça Rio, os papéis se inverteram. O Cruz-Maltino saiu na frente com Thiago Reis, aos 10 minutos do segundo tempo. A estrela de Arrascaeta brilhou aos 48 e, de cabeça, o uruguaio empatou o clássico e levou a decisão para os pênaltis. O meia converteu sua cobrança e o Flamengo foi o campeão.

Arrascaeta comentou sua perfomance diante do adversário deste domingo.

- Sempre que entramos em campo é para dar o melhor. Tem vezes que vamos fazer gol ou não, mas temos muitos jogadores com capacidade para entrar na área, fazer gol e ser decisivo - afirmou Arrascaeta, que,nos quatro meses que está morando no Rio de Janeiro, falou sobre o contato com as torcidas rivais:

- Já encontrei com alguns torcedores que ficaram bravos, mas faz parte - disse.

'Seja no Nilton Santos ou no Maracanã, temos certeza que será um jogo pegado. Temos que estar atentos os 90 minutos e esperamos que o campo esteja bom', afirmou o meia.

Um dos reforços para a temporada, Arrascaeta ainda não teve uma sequência entre os titulares com Abel Braga. Após mais uma boa atuação diante do San José, da Bolívia, na quinta-feira, pode ter chegado a hora do camisa 14, que conta com a confiança da torcida rubro-negra.

- Tudo depende do treinador. A torcida tem pedido para eu jogar, sinto a confiança que tem em mim, isso me dá força para me preparar para os jogos - avaliou Arrascaeta, que comentou onde sente-se melhor em campo:

- Na verdade, pela minha característica sempre joguei centralizado ou pela esquerda. No Uruguai, já atuei pela direita, mas outro tipo de formação. Nosso elenco é forte, tem coisa para melhorar. O treinador sempre quer o melhor.

Confira outras respostas de Giorgian De Arrascaeta, meia do Flamengo:

Final contra o Vasco

A motivação para nosso elenco tem que ser muito grande. Clássico e final todos querem estar presentes. Temos que nos preparar e mentalizar para fazermos dois bons jogos.

Jogador mais caro da história

Isso mostra a confiança de um clube para contratar um jogador que vem de temporadas fazendo boas campanhas. Vim para fortalecer o elenco e tenho muito para melhorar. O dinheiro vai ficar sempre fora e não tem qualquer tipo de pressão.