Ilha do Urubu

Estádio foi adotado pela torcida em 2017 (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

LANCE!
06/07/2018
15:14
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo anunciou nesta sexta-feira que o contrato com a Portuguesa da Ilha do Governador pela utilização do Estádio Luso-Brasileiro foi rescindido. O vínculo entre os clubes seria até o dezembro de 2019. O motivo foi o novo contrato com o Estádio do Maracanã, que vai até 2020.

Segundo nota oficial, o conselho diretor do clube achou melhor continuar jogando no Maracanã, já que fará pelo menos 15 partidas no estádio neste ano, e ao menos 25 partidas em 2019. Além disso, o Flamengo vem tendo resultados positivos em vendas de camarotes e pacotes de sócio-torcedores.

O vínculo com a Portuguesa havia sido acertado em janeiro de 2017 para que o Flamengo pudesse mandar seus jogos no Rio de Janeiro e evitar viagens desgastantes, já que Maracanã e o Nilton Santos não estavam disponíveis. O Fla fez 20 partidas na Ilha, venceu 15 jogos, perdeu dois e empatou três.

Em fevereiro de 2018, a queda de duas torres de iluminação atrapalhou os planos do Flamengo e impossibilitou o uso da Ilha do Urubu desde então.

O clube está buscando na Justiça ressarcimento pelos prejuízos causados pelo ocorrido. De acordo com a nota oficial publicada pelo Rubro-Negro, a rescisão do contrato com a Lusa "não prejudica a demanda judicial já devidamente ajuizada em face das empresas envolvidas na queda da torre de iluminação".