Rafael e Robertinho postaram o "dia de trabalho" fora da Raposa

Rafael deixa o Cruzeiro e tem o Atlético-MG interessado na sua contratação-(Reprodução/Instagram)

Valinor Conteúdo
14/02/2020
16:50
Belo Horizonte

Mais um acordo foi fechado pelo Cruzeiro liberando um jogador do seu elenco. O goleiro Rafael e a Raposa chegaram a um acordo nesta sexta-feira, 14 de fevereiro, e rescindiram o contrato de trabalho do goleiro com o clube celeste.

O acordo foi feito depois de uma audiência na 19ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte e Rafael está livre no mercado para acertar com outro clube. O goleiro entrou na Justiça do Trabalho em janeiro cobrando atrasados, direitos trabalhistas e de imagem. movia ação contra o clube desde o fim do mês passado.

João Chiminazzo, advogado do jogador, confirmou o acordo, mas não revelou os valores e como o Cruzeiro irá acertar os atrasados com o atleta.

Rafael deixa a Raposa após ter no clube azul toda a sua jornada no futebol. O goleiro, de 30 anos, estava no Cruzeiro desde as categorias de base, sendo promovido ao profissional em 2008. Apesar de sempre ter Fábio como titular, Rafael teve como mostrar o seu trabalho, jogando 112 vezes com a camisa celeste, com 120 gols sofridos. O arqueiro ajudou o Cruzeiro a vencer duas Copas do Brasil (2017 e 2018), dois Brasileiros (2013 e 2014) e seis Mineiros (2008, 2009, 2011, 2014, 2018 e 2019).

Rumo ao Galo?

A saída de Rafael por intermédio judicial é a quinta no Cruzeiro. Além de Rafael, outros quatro jogadores acionaram o Cruzeiro na Justiça para conseguir a rescisão: Fabrício Bruno, que teve ação na Justiça, mas retirou o processo, Thiago Neves, Ederson e David.

O destino de Rafael pode ser o maior rival da Raposa, o Atlético-MG. O alvinegro já havia demonstrado interesse no goleiro e monitora a situação da saída dele do Cruzeiro.