Sorteio Libertadores 2018

O time mineiro cobiça sua terceira conquista continental e terá um duelo contra o rival que mais enfrento em finais sul-americanas- Reprodução

Valinor Conteúdo
14/05/2019
10:00
Belo Horizonte

Já conhecendo o rival das oitavas de final, o forte River Plate, o presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, não teve uma reação de lamento por encarar logo de cara um dos times mais tradicionais da América do Sul e atual campeão da Libertadores.

Wagner Pires de Sá, mostrou confiança e chamou o duelo contra argentinos de "final antecipada".

- Respeitamos o atual campeão da Libertadores. Nós podemos falar que seria, talvez, uma final antecipada. Nós esperamos fazer um grande espetáculo. Nosso time está preparado, está focado. Existem altos e baixos, mas esperamos engrenar principalmente depois da Copa América, que vamos dar uma parada. O Mano Menezes deve acertar a equipe. Com certeza, entraremos para buscar a vitória para o Brasil - disse o dirigente entrevista ao SporTV.

O presidente da Raposa continuou seu discurso de otimismo, brincando que o time mineiro pegou uma “pedreira” nas oitavas, mas se avançar, terá quebrado o pedregulho argentino.

- Na verdade, nós, como a gente brinca, pegamos uma pedreira no início. Quebrando a pedreira, a gente fica mais tranquilo. A gente passa por uma fase mais tranquila, principalmente se considerarmos que, nestas fases na Libertadores, a segunda partida será disputada no nosso campo. Estamos muito confiantes-disse.


O primeiro jogo entre River Plate e Cruzeiro será no estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, na segunda quinzena de julho. O jogo de volta será no Mineirão, uma semana depois.

Histórico positivo, mas eliminação recente

Contra o River Plate, o Cruzeiro tem um histórico positivo em decisões, pois foi em cima dos argentinos que venceu sua primeira Libertadores, em 1976. Outra decisão sul-americana entre os dois aconteceu 15 anos depois, em 1991, quando a Raposa ganhou a Supercopa da Libertadores sobre o rival. Já em 1998, o time celeste voltou a ganhar um título sobre o River, quando decidiram a Recopa Sul-Americana daquele ano. Os mineiros derrotaram o time argentino nos jogos de ida e volta por 2 a 0 no Mineirão, e 3 a 0 no Monumental de Nuñez.

Cruzeiro e River já disputaram 14 jogos, com 10 vitórias cruzeirenses e 4 derrotas. Nunca empataram na história do confronto.

Apesar de poder decidir em casa a vaga no Mineirão, o Cruzeiro tem uma eliminação recente para o River, em 2015 que ainda traumatiza o torcedor estrelado, , quando venceu em Buenos Aires por 1 a 0, mas perdeu em BH por 3 a 0, dando adeus ao sonho do tricampeonato da América ainda na quartas de final da competição.

Confira todos os duelos as oitavas de final da Libertadores

River Plate-ARG x Cruzeiro
Godoy Cruz-ARG x Palmeiras
Emelec-EQU x Flamengo
LDU-EQU x Olimpia-PAR
Athletico Paranaense x Boca Juniors-ARG
Nacional-URU x Internacional
Grêmio x Libertad-PAR
San Lorenzo-ARG x Cerro Porteño-PAR