Edílson deu uma entrada dura em Nico López, gerando sua expulsão do duelo com o Colorado

Edílson terá de cumprir mais um jogo de suspensão, já que havia ficado de fora por uma partida-  (Vinnicius Silva/Cruzeiro

Valinor Conteúdo
11/06/2019
18:55
Belo Horizonte

O lateral-direito do Cruzeiro, Edilson, foi suspenso por dois jogos pela Primeira Comissão Disciplinar do STJD, por ter atingido o atacante Nico López, do Internacional, com uma cotovelada no duelo pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, em Porto Alegre, quando a Raposa foi derrotada por 3 a 1. O jogador foi denunciado pela Procuradoria no artigo 254-A, que versa sobre agressão física, mas foi enquadrado como jogada violenta.

Edílson foi ao julgamento, no Rio de Janeiro, e disse que não houve intenção de acertar Nico, A jogada gerou revolta do jogador colorado, que tentou revidar por diversas vezes, mas foi contido pelos colegas de equipe.


-A jogada em si são lances de 2 a 3 segundos de pensar muito rápido. Fui realmente fazer a falta e matar a jogada. Não vou mentir, porém não tenho como ir de braços fechados. Fui de braços abertos para dar um tranco e fazer a falta. Em momento algum pensei em acertar o cotovelo nele. Já fui expulso algumas vezes, mas não tive essa maldade de acertar e dar uma cotovelada-disse o lateral durante o julgamento.

Como Edilson já havia cumprido uma partida de suspensão, no jogo diante do Fluminense, na quinta rodada, derrota por 4 a 1 no Rio de Janeiro, o atleta terá de cumprir mais jogo, que será contra Fortaleza, nesta quarta-feira, às 21h, na capital cearense. O cumprimento da pena agora veio a calhar para o Cruzeiro, pois Edílson está em recuperação de um estiramento na panturrilha direita, sofrido antes do jogo contra a Chapecoense.