A ação vai levar 100 torcedores para ver o duelo contra o Corinthians, no dia 9 de junho

A ação tem contado com o apoio de pessoas via doações na internet. O Cruzeiro vai disponibilizar ingressos para ajudar na campanha- Reprodução

Valinor Conteúdo
04/05/2019
18:38
Belo Horizonte

Em tempos de intolerâncias e divisões sociais, dois torcedores do Cruzeiro estão dando um exemplo positivo. Fábio Militão e Christiano Rocco criaram uma campanha na internet para levar 100 pessoas, todas refugiadas, de 26 nacionalidades, ao Mineirão no jogo do Cruzeiro contra o Corinthians, no dia 9 de junho, pelo Campeonato Brasileiro. A dupla abriu a “vaquinha” na internet para arrecadar fundos e levar esse grupo de refugiados ao estádio.

Sensibilizado, o time celeste vai colaborar e se prontificou a ajudar com a doação de ingressos.

A ideia surgiu após Fábio e Christiano saberem que professores voluntários do Cefet-MG, que ensinam língua portuguesa aos refugiados estrangeiros de baixa renda para poder validar suas qualificações em terras brasileiras e conseguir trabalho.

O grupo de 100 pessoas possui tunisianos, haitianos, iranianos, sírios, russos, venezuelanos, cubanos que vieram em busca de uma nova realidade longe de suas terras natais.

A dupla de cruzeirenses então pensou em proporcionar um dia de futebol, uma linguagem universal sem dúvida, para os refugiados e criaram a campanha com o time de coração, “O Mundo é Azul, o Mundo é Cruzeiro”.

A vaquinha virtual, que pode ser acessada aqui vai custear transporte (ida e volta) e um café da manhã para essas 100 pessoas. O grupo também receberá camisas personalizadas do Cruzeiro que levarão o slogan da campanha traduzido em ao menos seis idiomas nativos desses imigrantes.

Os dois idealizadores da ideia pensaram na ação pelo Cruzeiro ser um clube fundado por imigrantes que tentaram buscar uma nova vida longe do país de origem. Confira abaixo o texto completo sobre a campanha.

Contamos com o apoio da imensa e apaixonada torcida do CRUZEIRO para viabilizarmos a ida de 100 estrangeiros refugiados de 26 nacionalidades diferentes, residentes em Belo Horizonte, ao jogo Cruzeiro x Corinthians que acontecerá no dia 09 de junho no Mineirão.

Nossa meta é doar transporte ida e volta, um lanche e uma camiseta personalizada com o escudo do clube para todos eles.

Alô NAÇÃO AZUL, estamos pedimos a atenção e o APOIO de vocês para uma CAMPANHA SOCIAL INÉDITA que está sendo realizada por TORCEDORES VOLUNTÁRIOS.

No Brasil, todos os estrangeiros, imigrantes e refugiados que precisam validar seus diplomas originais e obterem uma certificação da língua portuguesa para conseguirem um EMPREGO, precisam realizar uma prova de validação desse diploma estrangeiro.

O CEFET-MG, através da sua secretaria de Relações Internacionais (SRI) está realizando um trabalho com apoio de um grupo de professores brasileiros voluntários, chamado GELMAP, onde eles ensinam gratuitamente a língua portuguesa para todos os estrangeiros de baixa renda que residem na grande BH e irão realizar essa prova.

O grupo conta atualmente com cerca de 100 imigrantes entre adultos e crianças, de 26 nacionalidades diferentes. São tunisianos, haitianos, iranianos, sírios, russos, venezuelanos, cubanos, dentre outros, que sonham viver de uma forma mais digna aqui em nosso país.

Como todos sabem, o Cruzeiro está prestes a completar 100 anos e é um clube que foi fundado por imigrantes que vieram para o Brasil justamente com esses mesmos sonhos, ou seja, conseguirem proporcionar uma vida melhor para as suas famílias em meio às guerras e a grande miséria que tomou conta da Itália e de parte da Europa no final do século XIX.

Por isso contamos com o apoio do Cruzeiro Esporte Clube e da sua imensa e apaixonada torcida, para ajudarmos a acolher esses estrangeiros e torná-los CRUZEIRENSES DE CORAÇÃO. A nossa CAMPANHA está solicitando doações para que possamos patrocinar a ida desse grupo de 100 pessoas ao jogo CRUZEIRO X CORINTHIANS pelo Campeonato Brasileiro que será realizado no dia 9 de junho no Estádio Mineirão, portanto precisamos de recursos financeiros para custear o TRANSPORTE IDA e VOLTA, um LANCHE e a confecção de 100 CAMISETAS PERSONALIZADAS com o ESCUDO DO CRUZEIRO que serão doadas a eles e utilizadas no dia do jogo.