Fabrício  Bruno fará o seu primeiro jogo na Libertadores de 2019

Fabrício Bruno fará o seu primeiro jogo na Libertadores de 2019- Vinnicius Silva/Cruzeiro

Valinor Conteúdo
07/05/2019
17:15
Belo Horizonte

Nesta quarta-feira, 8 de maio, o Cruzeiro entrará em campo para o último compromisso da primeira fase da Copa Libertadores. A partida será contra o Emelec, às 19h15, no Mineirão. Um empate pode garantir ao Cruzeiro a melhor campanha do torneio internacional, o que dá direito de decidir as fases seguintes jogando a segunda partida em casa, até a semifinal, já que a final será em partida única em Santiago, no Chile.

Em sua última coletiva, no domingo, o técnico Mano Menezes acenou com a volta de Edílson na lateral direita e a escalação de Fabrício Bruno no posto de Dedé para esta partida. O zagueiro, em entrevista na Toca 2, agradeceu a confiança do treinador celeste e elogiou os companheiros de setor.

-Gostaria de agradecer a confiança do professor Mano, voltei, trabalhando a cada dia forte, esperando novas oportunidades. Agora contra o Emelec apareceu e estou confiante de ajudar o Cruzeiro da melhor maneira possível- disse o jovem zagueiro que elogiou os companheiros de posição.

-Quando voltei, sabia que o clube estava bem servido. Sou fã e admirador do Leo e do Dedé. O Dedé, principalmente, sempre me dá muitas dicas, me ajuda bastante, instrui principalmente sobre bola parada. São dois vencedores e procuro aprender muito com eles. Vamos procurar dar sequência à campanha vitoriosa que estamos fazendo na Copa Libertadores- complementou.

Caso vença a partida, o Cruzeiro atingirá a marca de 18 pontos ganhos, chegando a 100% na primeira fase, feito até hoje realizado apenas por três equipes: Boca Juniors (2015), Vasco (2001) e Santos (2007). Já a defesa, que ainda não sofreu gols, pode repetir as façanhas do Boca Juniors (1977) e do Atlético Nacional-COL (2016).

Fabrício Bruno disse que seria gratificante marcar o nome na história da Libertadores com esses feitos, mas que a vitória será o mais comemorado pelos jogadores, principalmente pelas vantagens conquistadas para as próximas fases da competição internacional.

-Com certeza, é uma marca importante, entrar para a história da Libertadores. É uma característica principal do time do Mano, tomamos poucos gols. O jogo é de extrema importância, claro que o mais importante é conquistar os três pontos, mas se for com a defesa ilesa, será muito bom. É um jogo importante, ainda mais que pode garantir vantagem nas próximas fases, qualquer mínima vantagem é importante, decidir diante do torcedor. Vamos em busca do resultado positivo, justamente na frente do torcedor-finalizou.