Yony González foi titular nos últimos três jogos do Corinthians e ainda não conseguiu nem uma boa atuação sequer

Yony González foi titular nos últimos três jogos do Corinthians e ainda não conseguiu nem uma boa atuação sequer (Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians)

Yago Rudá
27/02/2020
08:10
São Paulo (SP)

O técnico Tiago Nunes admitiu ter se precipitado ao escalar o colombiano Yony González como titular do Corinthians nos três últimos jogos da temporada. De acordo com o treinador, o atacante ainda não está em sua melhor forma, mas a necessidade de encontrar um titular pelo lado esquerdo do ataque do Timão influenciou na sua decisão. 

- Atropelei a preparação do Yony, a melhor preparação. Vinha de tempo parado. Vi que força e velocidade seria importante naquele momento. Ainda estamos carentes de ver qual jogador se encaixa nessa profundidade. Atropelei a preparação dele. A responsabilidade da má performance é minha - afirmou o comandante do Timão em entrevista coletiva na Arena Corinthians.

Contratado do Benfica até o fim de dezembro de 2023, Yony fez sua estreia contra o São Paulo, no dia 15 de fevereiro. De lá para cá, também enfrentou o Água Santa e o Santo André - ambas as partidas como titular. Sem o melhor preparo físico e entrosamento com seus novos companheiros, o colombiano deixou a desejar e recebeu críticas dos corintianos. 

Na última quarta, inclusive, o atacante deixou o campo com dores na coxa esquerda e deixou a Arena Corinthians mancando, com dores. Na manhã desta quinta, o colombiano será avaliado pelo departamento médico do clube para ver se há alguma lesão na região. Portanto, há sim a possibilidade da comissão técnica ganhar um novo desfalque para os próximos jogos.