Corinthians x Atlético-PR - Camacho e Pavez

Camacho (COR) e Pavez (APR)  no jogo-treino desta quinta-feira (Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Lancepress!)

Guilherme Amaro
15/02/2018
18:22
São Paulo (SP)

Os reservas do Corinthians perderam por 1 a 0 para os titulares do Atlético-PR em jogo-treino na tarde desta quinta-feira, no CT Joaquim Grava. O Timão mostrou dificuldades e teve poucas chances de perigo. O Furacão também pouco criou, mas chegou ao gol com Wanderson, aos 13 minutos do segundo tempo.

O Corinthians iniciou o jogo-treino com: Caíque, Mantuan, Yago, Pedro Henrique e Maycon; Rene Júnior; Lucca, Camacho, Mateus Vital e Sheik; Danilo.

O Atlético-PR iniciou com: Santos, Jonathan, Thiago Heleno, Wanderson e Carleto; Esteban Pavez, Matheus Rossetto, Guilherme e Raphael Veiga; Nikão e Lucas Ribamar. Esse é o time titular do Furacão, que disputa a Copa do Brasil, enquanto a equipe alternativa participa do Campeonato Paranaense.

O primeiro tempo só teve uma boa jogada do Timão. Mateus Vital girou em cima do adversário e lançou Danilo, que chutou forte e viu Santos fazer boa defesa. O Atlético-PR não levou perigo na etapa inicial.

No segundo tempo, Clayson entrou no lugar de Danilo e melhorou o Corinthians - Sheik virou o centroavante. Logo nos primeiros minutos, ele recebeu na entrada da área e chutou no ângulo, mas Santos conseguiu tocar e a bola carimbou o travessão. Mateus Vital chegou a falar "golaço" após o chute, que tinha direção certa.

Em seguida, porém, o Atlético-PR chegou ao gol. Após lançamento, a bola desviou em Yago e sobrou livra para Wanderson marcar. O goleiro Caíque, que teve boa atuação, nada pôde fazer. O auxiliar chegou a dar impedimento, mas o juiz validou o gol.

Ao longo do segundo tempo, o Corinthians fez as seguintes substituições: entraram Pedrinho, Kazim, Léo Santos e Guilherme Romão nas vagas de Mateus Vital, Sheik, Pedro Henrique e Camacho, respectivamente. Com a entrada de Romão, Maycon deixou a lateral esquerda e foi para o meio de campo, na sua posição de origem.

Nos minutos finais, o Corinthians teve duas boas chances. Pedrinho foi lançado e tocou para trás, Kazim chutou forte, mas o goleiro mandou para escanteio. Na cobrança, Yago cabeceou no lado externo da rede.

Com isso, dá para dizer que os melhores jogadores do Corinthians foram: Caíque, Maycon (tanto na lateral quanto no meio), Mateus Vital, Lucca e Clayson (o melhor). O xodó Pedrinho, que ainda trata de uma anemia, errou praticamente todas as enfiadas que tentou, mas deu boa ajeitada para Kazim.

Outro destaque do treino foi ver Sheik atuando como centroavante, antes até de Kazim entrar. O veterano de 39 anos mostrou boa movimentação, mas não conseguiu ter chances para finalizar.

O Corinthians volta a treinar na manhã desta sexta-feira, no CT Joaquim Grava. O próximo jogo será na segunda, contra o Red Bull Brasil, em Campinas, pela oitava rodada do Paulistão.