Guilherme voltará ao time titular do Corinthians

Guilherme teve contrato com o Corinthians entre 2016 e 2019 (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Alexandre Guariglia
27/02/2021
16:39
São Paulo (SP)

Atualmente sem clube, já que deixou o América-MG no mês passado, o meia Guilherme ingressou com uma ação na Justiça do Trabalho contra o Corinthians, cobrando mais de R$ 2 milhões do clube por dívidas trabalhistas. A informação foi divulgada primeiramente pelo GE e confirmada pelo LANCE!.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão-2021 clicando aqui

GALERIA
> Veja jogadores “sumidos” que seu time poderia tentar contratar para 2021

Aos 32 anos, Guilherme teve contrato com o Timão entre 2016 e 2019, mas não teve muito sucesso e acabou sendo emprestado para Athletico-PR, Bahia e Fluminense no período. Quando chegou, custou quase R$ 6 milhões e fez apenas 50 partidas com a camisa alvinegra e oito gols marcados.

As cobranças do jogador são: parcela do 13º salário, férias, recolhimento do FGTS, multas, além das custas judiciais e honorários. Todas as pendências são em relação ao último ano de contrato, ou seja, 2019. No total, a dívida que Guilherme alega que o Corinthians tem com ele é de: R$ 2,04 milhões.

O caso de Guilherme se junta a outros tantos acumulados pelo Timão nos últimos anos. Segundo o GE, o clube ainda não foi notificado da ação e não irá se pronunciar. Na última semana, quem entrou com outra cobrança trabalhista foi o atacante Luidy, que nunca jogou com a camisa alvinegra em quatro anos.