Luan - Treino Corinthians

Luan em ação em treino do Corinthians (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

LANCE!
27/03/2021
16:00
São Paulo (SP)

O maior investimento do Corinthians em contratação de jogadores do atual elenco foi em Luan, que custou R$ 28,95 milhões, de acordo com o balanço financeiro divulgado pelo clube neste sábado. O montante é referente ao valor pago para comprá-lo do Grêmio, além de outros custos da negociação, como pagamento de luvas ao atacante e comissão a empresário.


Luan assinou vínculo válido até o fim de 2023, e o Timão tem 100% dos direitos econômicos. O atacante chegou como principal contratação, mas não conseguiu deslanchar e tem sido reserva. Ele soma 47 jogos disputados e sete gols marcados.

O Corinthians divulgou em seu balanço o custo de 33 jogadores. Da lista, após Luan, os seis que mais demandaram investimento do clube também são reservas ou já não fazem parte do elenco atual.

>> Confira a situação do Corinthians no Paulistão e simule os resultados

Em segundo lugar da lista está o chileno Araos. Ele chegou ao clube no meio de 2018 e tem contrato até o fim de julho de 2023. O Corinthians pagou quase R$ 24 milhões para adquirir 100% dos direitos econômicos do jogador.

Em terceiro aparece Ramiro, que foi reserva no último jogo, embora tenha recebido chances como titular do técnico Vagner Mancini. Também ex-Grêmio, o meia custou R$ 19,7 milhões ao Corinthians, que adquiriu 70% dos direitos econômicos. Ele chegou ao clube no início de 2019 e tem contrato até o fim de 2022.

Na sequência vem o uruguaio Bruno Méndez, que foi contratado no início de 2019 e tem contrato até o fim de 2023. O Corinthians pagou quase R$ 22 milhões pelos 70% dos direitos econômicos do defensor.

Em quinto aparece o meia Junior Sornoza, que está emprestado ao Tijuana, do México. O investimento do Corinthians foi de R$ 11,5 milhões por 100% dos direitos econômicos. Ele foi contratado no início de 2019 e tem vínculo até o fim de 2022.

Na sexta colocação está Cantillo, mais um atualmente reserva. O volante colombiano custou R$ 10,5 milhões. O Corinthians detém 100% dos direitos econômicos.

Na sétima colocação aparece Richard, volante que atualmente está emprestado ao Athletico-PR. Ele custou R$ 10,4 milhões ao Corinthians, que adquiriu 70% dos direitos econômicos. O jogador tem contrato com o Timão até o fim de 2022.

A oitava colocação pertence a mais um jogador que não vem sendo utilizado por Mancini, mas por conta de lesão: o lateral-esquerdo/zagueiro Danilo Avelar. Em nono lugar está Mateus Vital, que vinha sendo destaque da equipe nesta temporada até passar por cirurgia no joelho nesta semana.