Ana Canhedo
05/10/2018
23:19
São Paulo (SP)

O revés na noite desta quarta-feira teve uma série de tabus quebrados e recordes batidos tanto para o bem quanto para o mal para o Corinthians. Na mesma noite na qual registrou o maior público da Arena, em Itaquera, nesta edição do Campeonato Brasileiro, o Alvinegro perdeu pela primeira vez para o Flamengo em sua casa e também pela primeira vez por tantos gols de diferença. Este foi o jogo 151 do Timão em sua casa, aberta em 2014.

Foram registrados 41.693 pagantes no duelo contra o Flamengo, superando o número de 40.350 na partida contra o Ceará, ainda na segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O problema é que o excelente público assistiu a uma derrota dura  do Timão. Pela primeira vez, o Alvinegro sofreu três gols sem conseguir reagir e fazer ao menos um. Foi a pior derrota da história da Arena.

Agora, o Corinthians precisa "levantar a cabeça" para o jogo da próxima quarta-feira, quando enfrenta o Cruzeiro, no Mineirão, em Belo Horizonte, na primeira das duas finais da Copa do Brasil. A decisão será em casa, na semana seguinte, mas não sem antes disputar um clássico contra o Santos, no Pacaembu, este pelo Campeonato Brasileiro.

- São campeonatos diferentes. Temos que levantar a cabeça para o jogo de quarta-feira - ponderou Mateus Vital, o único jogador do Corinthians a falar na saída de campo em Itaquera.