Cavani

Cavani pode permanecer no Manchester United pelos próximos seis meses por conta da Covid-19 (Foto: AFP)

Alexandre Guariglia
21/12/2021
13:35
São Paulo (SP)

A novela "destino de Cavani" parece longe do fim e ganhou mais um capítulo nesta terça-feira. A novidade é que o centroavante pretendido pelo Corinthians, pode ficar no Manchester United e não mais sair nesta janela de transferências, segundo noticiou o Daily Mail, jornal inglês. Além disso, Fabrizio Romano, conceituado jornalista italiano, afirmou que não há ofertas pelo uruguaio.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Veja até quando vai o contrato de cada jogador do Corinthians

Tal reviravolta na situação de Cavani no United se dá pelo surto de Covid-19 que assola os clubes da Premier League. Com receio de perder jogadores afastados por conta de resultados positivos para coronavírus, os Red Devils não querem se desfazer de peças do elenco, entre elas o centroavante uruguaio.

A intenção do time de Manchester é manter Cavani até o fim de seu contrato, ou seja, até o fim da temporada europeia, no meio de 2022. Se esse plano realmente for para frente, frustrará a ideia do Corinthians de contar com o jogador já nesta janela de janeiro. Segundo apurou o LANCE!, o Timão segue em compasso de espera pelo posicionamento dos representantes do atleta. Por ora, não há uma desistência ou um otimismo em relação ao negócio.

Isso deve frustrar também os planos do Barcelona, que já teria um acordo com Cavani para reforçar o elenco após a saída de Aguero, que precisou encerrar a carreira por conta de problemas cardíacos. No entanto, Fabrizio Romano, famoso jornalista italiano, publicou em seu Twitter que não houve propostas para o jogador uruguaio, nem do Barça, nem do Corinthians até o momento.

De acordo com Fabrizio, a prioridade do clube catalão é fechar com os espanhol Ferrán Torres, que pertence ao Manchester City. Mais um indício da possibilidade real de Cavani seguir no United por mais um semestre e depois sair livre no mercado para assinar com outro clube na janela de verão europeu.

Vale lembrar que o Corinthians só entrará no negócio se Cavani não tiver vínculo com clube, ou seja, não haverá negócio com o Manchester United, somente com os representantes do jogador. Os dirigentes não pretendem colocar dinheiro em taxas de transferências. O enfoque do clube é pagar apenas salários e luvas, que deverão ter o auxílio do Grupo Taunsa.