Montagem - Éderson e Cantillo - Corinthians

Disputa saudável no meio-campo do Corinthians para fase decisiva (Foto: Montagem/Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Alexandre Guariglia
01/08/2020
08:00
São Paulo (SP)

Após três vitórias nos últimos três jogos, o Corinthians de Tiago Nunes parece estar se encaixando e algumas peças vão ganhando lugar no titular. No entanto, uma posição parece que vai dar uma dor de cabeça boa para o treinador: a de meio-campista para atuar ao lado de Gabriel. São dois os candidatos para essa disputa aberta: Éderson, destaque contra Oeste e Red Bull Bragantino, e Cantillo, recuperado de Covid-19 e podendo jogar domingo.

Vale lembrar que antes da pausa por conta da pandemia de coronavírus, o meio-campo corintiano era formado por Camacho e o próprio Cantillo. No entanto, o teste positivo do colombiano o deixou afastado da estreia, contra o Palmeiras e do jogo seguinte, contra o Oeste. Vaga que foi ocupada por Gabriel, que passou a ser a peça que mais ser firmou no setor nesse período.

No jogo contra o Oeste, já citado anteriormente, quando o Corinthians fazia uma partida bem pobre ofensivamente, Tiago Nunes colocou Éderson no lugar de Camacho e o jogo melhorou demais para o Alvinegro. Para completar, o jovem ex-Cruzeiro ainda marcou um belo gol em chute de longe, que sacramentou a essencial vitória na Arena Barueri e garantiu a classificação.

Nas quartas de final, mesmo com Cantillo liberado após afastamento pela Covid-19, a comissão técnica optou por preservar o jogador que ainda não havia passado por um período suficiente de recondicionamento físico. Sendo assim, o caminho ficou livre para Éderson ganhar a posição de Camacho e novamente o garoto correspondeu, marcou um gol com menos de 30 segundos de jogo, que praticamente definiu o destino do duelo com o Red Bull.

Agora, contra o Mirassol, há a possibilidade de Cantillo estar novamente disponível, até mesmo para entrar logo de início no confronto de semifinal, mas Tiago Nunes prefere não se fechar em uma decisão, e ainda deixou aberta a chance de o colombiano e Éderson atuarem juntos na equipe. Toda essa disputa, para o comandante, só fortalece o elenco corintiano.

- Eles podem trabalhar juntos, podem também concorrer pela posição, isso faz com que nosso elenco cresça, tenha essa competitividade, Cantillo está treinando conosco, pode sim estar à disposição para o fim de semana, a gente vai avaliar junto com a preparação física, também com o próprio jogador a partir de amanhã - disse Tiago em coletiva após o duelo da última quinta-feira.

O Timão volta a campo neste domingo, às 16h, para enfrentar o Mirassol, na Arena, em uma das semifinais do Paulistão-2020. O confronto, assim como na fase anterior, será decidido em jogo único, ou seja, caso termine empatado no tempo normal, haverá pênaltis. Para a final, porém, serão partidas de ida e volta, sendo que o time de melhor campanha fará o segundo jogo em casa.