Arena Corinthians

Presidente da Caixa, em tom de brincadeira, ameaçou tirar estádio do Corinthians (Foto: Divulgação/Corinthians)

LANCE!
31/07/2020
19:43
São Paulo (SP)

Na tarde desta sexta-feira, durante o lançamento de um conjunto habitacional popular em Bagé, no Rio Grande do Sul, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, foi flagrado, após uma gravação, provocando um torcedor do Corinthians por conta da Arena de Itaquera, e "ameaçou" tirar o estádio do clube caso a dívida do financiamento não seja paga pelo Alvinegro.

- Me deixa bonito hein, cara? Qual o teu time? É flamenguista, também? Corinthians? Vai ficar sem estádio, hein. Fica esperto aí, hein? Se não pagar, a gente tira, hein? Mengão vai jogar em São Paulo. Se pagar, ok. Se não pagar, não. Não tem mais aquela maluquice, não. Banco de todos os brasileiros. Fica esperto aí – disse Pedro, depois de conceder entrevista para a TV Brasil.

Atualmente, há uma ação judicial movida pela Caixa cobrando uma dívida de pouco mais de R$ 536 milhões da Arena Itaquera S/A, fundo proprietário do estádio, que tem o Corinthians como sócio. O clube, que atrasou parcelas no ano passado, entende que a quantia é abusiva, já que não aceita pagar uma multa de cerca de R$ 50 milhões incluída nesse montante. Além disso, tem negociado com o banco o abatimento de parte deste valor e novos prazos.

Vale lembrar que o empréstimo inicial, feito em julho de 2012 e aprovado pelo BNDES, foi de R$ 400 milhões. O clube já arcou com R$ 175 milhões da dívida, mas sofre com juros e multas. Andrés Sanchez já prometeu em algumas entrevistas recentes que resolverá todas as pendências relacionadas a Arena Corinthians até o término de seu mandato como presidente, no fim deste ano.