Roberto de Andrade - Corinthians

Roberto de Andrade quer primeiro trabalhar com o elenco que já está no Timão (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

LANCE!
24/02/2021
16:48
São Paulo (SP)

O Corinthians parece realmente focado e disposto a estabelecer uma nova política de gastos e contratações a partir da temporada 2021. Dessa vez, quem reafirmou essa política foi o diretor de futebol Roberto de Andrade, em entrevista para a ESPN. Segundo ele, antes de ir ao mercado, o Timão quer primeiro resolver problemas internos e depois, se necessário, corrigir o rumo.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

GALERIA
> Os melhores! Confira a Seleção do Brasileirão eleita pela redação do LANCE!

Entre esses problemas citados pelo dirigente, está a definição do elenco, ou seja, a prioridade é definir que será promovido da base e quem do elenco atual deve permanecer ou deixar o clube. Somente após essas decisões, se ainda assim houver a necessidade de contratações, aí sim o departamento de futebol trabalhará para trazer novas peças para o técnico Vagner Mancini.

- Não adianta falar de nome, porque nós não fomos atrás de ninguém, se alguém falar "o Roberto me ligou" é mentira, não liguei para ninguém, não fomos atrás de ninguém, primeiro nós queremos resolver nosso problema interno, qual é o problema interno? Se nós vamos subir os meninos, quem vai ser aproveitado, quem não vai ser aproveitado, se nós vamos emprestar, se nós vamos negociar, primeiro isso - comentou Roberto.

As correções de rumo, de acordo com o diretor corintiano, podem acontecer já no meio do Campeonato Paulista, que terá início neste domingo para o Timão, contra o Red Bull Bragantino, fora de casa. Para ele, o elenco que começa não precisa ser necessariamente o mesmo que terminará a competição estadual.

- Começa o Campeonato Paulista, se tiver que fazer um acerto, uma correção no meio do campeonato, ir atrás de alguém, isso vai acontecer, caso não precise, nós vamos seguir do jeito que está. Não necessariamente como a gente começa o Paulista, a gente precisa terminar, podemos corrigir no meio do caminho, só que nós não fomos atrás de ninguém, qualquer nome que você ouvir, não existe. Isso eu te afirmo, não tem - concluiu o ex-presidente.

Até aqui, o único "reforço" confirmado publicamente pelo Corinthians é o retorno de João Victor, zagueiro emprestado ao Atlético-GO. Na última semana, Duílio Monteiro Alves garantiu que o defensor fará parte dos planos para a temporada 2021. Entre as saídas, nenhuma ainda foi exposta pelo clube.