Jô - Corinthians x Fluminense

Contra o Fluminense, Jô chegou ao seu 50º gol com a camisa do Corinthians (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

LANCE!
14/01/2021
09:00
São Paulo (SP)

O Corinthians venceu o Fluminense por 5 a 0, na última quarta-feira, na Neo Química Arena, e quem abriu a goleada, marcando o primeiro gol de 2021, foi o artilheiro Jô, que atingiu uma marca histórica ao anotar seu 50º tento com a camisa do clube. Com isso, ele espera que o ano seja diferente para o Timão.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

GALERIA
> Corinthians transforma o elenco em cartoons; veja o resultado final!

Em sua terceira passagem pelo Alvinegro, o centroavante marcou seu sétimo gol desde que retorno, no meio de 2020. Antes disso, ele já havia balançado a rede por 43 vezes com a camisa corintiana: 18 na primeira passagem (entre 2003 e 2005) e 25 na segunda passagem (em 2017). Ao todo, 50 gols e cada vez mais ídolo da Fiel torcida, que já o tem como um dos grandes do clube.

- Queria agradecer a Deus por esses 50 gols com a camisa do Corinthians, são poucos que chegam a esse número, sou muito grato também aos companheiros - disse o camisa 77 após a partida.

Além de abrir o placar e garantir esse número histórico, Jô fez o primeiro gol do clube neste ano de 2021, o que pode significar o início de novos tempos, após um 2020 bastante ruim dentro de fora de campo para o Corinthians. Com uma partida extremamente convincente e mais vivo do que nunca na briga por uma vaga na Libertadores, o atacante vê um começo "com o pé direito".

- Foi uma partida maravilhosa, fizemos por merecer, fizemos com que o placar fosse elástico desse jeito. Primeiro gol de 2021 fiquei feliz também, agora espero que este ano seja diferente para a gente, começamos com o pé direito e espero que a gente possa dar muita felicidade para a torcida do Corinthians.

Jô se tornou o artilheiro do elenco na temporada 2020/21 com sete gols, mesma quantidade anotada por Luan, que fechou a goleada da última quarta-feira. Ambos deixaram Boselli, com seis gols, para trás. O argentino já não faz mais parte do elenco e foi contratado pelo Cerro Porteño, do Paraguai.