Corinthians x Grêmio - Carille

Carille comanda o Corinthians desde o início da temporada (Foto: Peter Leone/ Ofotografico)

LANCE!
11/05/2019
21:52
São Paulo (SP)

Em um jogo com vantagem para as defesas sobre os ataques, o Timão não saiu do 0 a 0 com o Grêmio, neste sábado, na Arena, em jogo válido pela quarta rodada do Brasileirão.  Após a partida, o técnico Fábio Carille destacou a evolução da equipe, que soma cinco pontos na competição nacional, com uma vitória, uma derrota e dois empates. 

– A gente evoluiu em tudo, estamos buscando posições ainda. Em alguns momentos, envolvemos o Grêmio com triangulações e fiquei satisfeito. É algo que temos buscado, que precisamos melhorar. O Vital fez um bom jogo lá pela esquerda, o Clayson fez a direita, perdi o Pedrinho no aquecimento, entrou com as costas travadas que era um jogador para ir para cima. A gente evoluiu, tá com saída, mas não estou contente com o passe simples – disse o treinador. 

O técnico avaliou de forma positiva os jogadores que entraram no segundo tempo de uma partida marcada pela forte marcação e poucas chances claras de gol para ambos os lados. Vagner Love entrou no intervalo e finalizou com perigo duas vezes no início da segunda etapa. Junior Urso, voltou de lesão após um mês entregue ao departamento médico e Régis fez sua estreia com a camisa corintiana.

– Eu tenho o Love para quatro funções. Iniciou alguns jogos bons como nove até atrás do nove. A opção de colocar ele contra o Vasco foi necessidade, o Gustavo machucado. Hoje eu achei nosso time mal tecnicamente. O Régis é isso que a gente espera, de jogar perto da área, perto do nove, de finalização e aos poucos vai ganhando o espaço dele. O Júnior Urso tem uma estatura alta, aos 25 minutos ele deu uma abafada na hora que fez a transição. Ele veio, ganhou seu lugar, mas tenho que ter cuidado para ver se pode só 60 minutos e não começar com ele. 

Com cinco pontos, o Timão é provisoriamente o oitavo colocado do torneio nacional. Na próxima rodada, o time de Carille visita o Athletico-PR, na Arena da Baixada, no domingo, às 16h. Antes, recebe o Flamengo, na quarta, pela Copa do Brasil.