Coletiva Andrés Sanchez

Andrés Sanchez se manifestou de forma firme diante do quase adiamento (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

LANCE!
27/09/2020
15:56
São Paulo (SP)

O quase adiamento de Palmeiras x Flamengo, jogo previsto para a tarde deste domingo, às 16h, pela 12ª rodada do Brasileirão-2020, tem feito com que dirigentes de clubes que não estejam envolvidos na partida se manifestem e não foi diferente em relação ao presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, que por meio de seu Twitter cutucou o clube carioca e sugeriu a paralisação do campeonato, caso realmente se confirmasse que o duelo seria adiado.

Há poucos minutos, o mandatário corintiano se manifestou de forma contundente em sua rede social reprovando a postura do Flamengo quanto a não querer jogar neste domingo e disse acreditar que diante disso, a melhor solução seria paralisar a competição, já que o protocolo foi ferido.

- O maior problema do futebol é quando um clube só pensa nele e em mais nada. Suspender um jogo é suspender o protocolo que todos toparam. Melhor paralisar o campeonato inteiro então - afirmou Andrés.

Fica subentendido, quando o corintiano diz que "um clube só pensa nele", que se trata de uma cutucada no Flamengo, que não teve sucesso no adiamento por meio das instâncias esportivas como o CBF e o STJD, pedindo algo que romperia com o protocolo assinado por todos os clubes antes da competição.

O presidente do Corinthians acompanha a manifestação de outros representantes de clubes de Série A, como do Goiás, do Atlético-MG e do próprio Palmeiras, que clamaram pela obediência do protocolo para defender a realização da partida. Nos bastidores, outros dirigentes dos demais times têm se manifestado favoráveis ao cumprimento do que foi acordado.