Coletiva - Duílio Monteiro Alves

Duílio Monteiro Alves não foi oficializado formalmente como candidato (Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Lancepress!)

LANCE!
03/09/2020
20:19
São Paulo (SP)

As eleições no Corinthians acontecem no fim de novembro, mas há tempos os bastidores do clube já estão fervendo por conta delas. Nesta quinta-feira mais um capítulo foi anexado à corrida eleitoral, já que o atual presidente Andrés Sanchez confirmou as expectativas e indicou que Duílio Monteiro Alves será o seu candidato e de seu grupo à presidência do Timão pelo próximo triênio.

Essa revelação foi feita em entrevista de Andrés ao programa "Encontro de Craques", do BandSports, que vai ao ar às 21h desta quinta-feira. O mandatário corintiano aproveitou o acordo fechado com a Hyper Pharma, pelos naming rights da agora Neo Química Arena, para anunciar o nome de Duílio, atual diretor de futebol. Nos bastidores, essa indicação já era dada como certa.

- O Duílio Monteiro Alves vai ser candidato meu sim, vai ser candidato do grupo e com certeza o corintiano tem que olhar para tudo o que foi feito nesses dez, 12 anos, para ver se merecer a continuidade ou não - declarou Andrés.

Caso Duílio seja realmente oficializado como candidato e vença as eleições, será mais um mandato de um nome ligado ao grupo "Renovação e Transparência", que está no poder desde 2007, com a entrada do próprio Andrés Sanchez. Foi com essa gestão e continuidade que o clube venceu Libertadores e Mundial, em 2012, mas houve dissidências no caminho.

Uma delas a de Mário Gobbi, um dos principais pilares do grupo, que já garantiu seu nome para disputar o pleito deste ano como candidato de oposição. Era ele o presidente do Timão na época da Libertadores e do Mundial de 2012. O ex-mandatário passou a questionar o quão saudável tem sido essa continuidade no poder. E Andrés pediu para que o torcedor julgue o melhor.

- É o que eu falei, nós não tínhamos CT da base, nós não tínhamos CT profissional. Temos. Não tinha Arena. Temos. Não vai pagar. Estamos pagando. Nós temos Mundial, Libertadores, que quem ganhou não foi o Mario Gobbi, não foi o Duílio, não fui eu, não foi ninguém, quem ganhou Mundial, Libertadores, Brasileiro, foi o Corinthians - concluiu Andrés.

As eleições no Corinthians acontecem no dia 28 de novembro e definirão presidente e membros  do Conselho Deliberativo para o triênio 2021-2023.